CONFORTO: CONTRIBUTO TEÓRICO PARA A ENFERMAGEM

Ana Gonçalves Martins, Patrícia Pontífice Sousa, Rita Margarida Marques

Resumo


Objetivo: o objetivo do estudo é compreender de que forma a Teoria do Conforto de Kolcaba influenciou a investigação e a prática clínica em enfermagem através da evolução do conceito.

Desenvolvimento: trata-se de um estudo de natureza teórica, resultante da leitura, análise e reflexão de diferentes estudos obtidos por meio da revisão de literatura realizada em dezembro de 2021 em Lisboa, Portugal. A literatura evidencia a presença do construto integrante de várias taxonomias de enfermagem ao longo dos tempos, e mais recentemente, em várias teorias de enfermagem. Da análise conceitual, qualquer que seja a perspectiva teórica, reafirma-se tratar de um fenômeno de interesse, complexo e multifacetado.

Conclusão: entende-se que esta reflexão permite compreender o fenômeno do conforto e a forma como este conceito tem vindo a ser estudado e clarificado, afirmando a sua importância para a qualidade dos cuidados em enfermagem.


Palavras-chave


Conforto do Paciente; Enfermagem; Cuidados de Enfermagem; Investigação; Terminologia Padronizada em Enfermagem.

Texto completo:

PDF


DOI: http://dx.doi.org/10.5380/ce.v27i0.85214 ';



Licença Creative Commons
Esta obra está licenciada sob uma licença Creative Commons Atribuição 4.0 Internacional.

Em caso de dificuldades ou dúvidas técnicas, faça contato com cogitare@ufpr.br

Versão impressa ISSN 1414-8536 (para edições publicadas até 2014)

Versão eletrônica ISSN 2176-9133