Open Journal Systems

A PERCEPÇÃO DOS MESTRANDOS DE ENFERMAGEM A RESPEITO DA RELIGIÃO COMO RECURSO TERAPÊUTICO NO PROCESSO DE RECUPERAÇÃO DO SER HUMANO DOENTE E SUA FAMÍLIA

Hellen Carla Rickli Campana, Andréia Cristina Pizani Domingos, Patrícia Gisele Sanches, Darci Aparecida Martins Correa

Resumo


Este trabalho caracterizou-se como qualitativo, de abordagem exploratória e teve como objetivo conhecer a percepção dos mestrandos de enfermagem sobre a religião como recurso terapêutico no processo de recuperação do ser humano doente e sua família. A população foi composta por 14 mestrandos. Para a coleta de dados foi utilizado questionário. Das informações emergiram as categorias: religião como apoio pessoal, religião e o cuidado de enfermagem, religião como recurso terapêutico e utilizando a religião na prática do cuidado de enfermagem. Os resultados mostraram que a religião é vista pelos mestrandos de enfermagem como um recurso importante e necessário no processo de recuperação do ser humano doente; que este tema deve fazer parte do processo de cuidado de enfermagem e a necessidade de inclusão deste tema como disciplina na academia, ou seja, o cuidado religioso.


Palavras-chave


Religião; Percepção; Cuidados de enfermagem.Religion, Perception, Nursing care.Religión; Percepción; Atención de enfermería.

Texto completo:

PDF


DOI: http://dx.doi.org/10.5380/ce.v13i1.11950