CUIDADOS DE ENFERMAGEM NO PROCESSO DE EXTUBAÇÃO OROTRAQUEAL: REVISÃO INTEGRATIVA

Tessy Nnonyelum Miozzo Ezeagu, Anna Carolina Gaspar Ribeiro

Resumo


Objetivo: descrever quais os cuidados de enfermagem no processo de extubação orotraqueal de pacientes em Unidade de Terapia Intensiva.
Método: revisão integrativa com busca de dados entre junho de 2017 e fevereiro de 2018 nas seguintes bases: Medline/PubMed, Literatura Latino-Americana e do Caribe em Ciências da Saúde, Web of Science, Base referencial da Editora Elsevier, Banco de Dados em Enfermagem, Índice Bibliográfico Espanhol de Ciências da Saúde, e Portal da Agência Nacional de Vigilância Sanitária do Ministério da Saúde.
Resultados: nos 12 artigos eleitos por estarem em conformidade com os critérios de inclusão, foram identificados 16 cuidados de enfermagem que se resumem em três momentos: antes, durante e depois da extubação propriamente dita.
Conclusão: no processo de extubação orotraqueal, a aplicação de cuidados de enfermagem baseada em evidências é essencial para assegurar a segurança do paciente, prevenindo complicações, reduzindo tempo de internação e custos.


Palavras-chave


Enfermagem; Extubação; Segurança do Paciente; Unidades de Terapia Intensiva; Educação Continuada.

Texto completo:

PDF PDF (English)


DOI: http://dx.doi.org/10.5380/ce.v24i0.58144 ';



Licença Creative Commons
Este obra está licenciado com uma Licença Creative Commons Atribuição 4.0 Internacional.

 

Em caso de dificuldades ou dúvidas técnicas, faça contato com cogitare@ufpr.br

Cogitare Enfermagem. ISSN Eletrônico: 2176-9133