ACIDENTES COM MOTOCICLETAS: CARACTERÍSTICAS DA OCORRÊNCIA E SUSPEITA DO USO DE ÁLCOOL

Bárbara de Jesus Cunha da Silva, José Diego Marques Santos, Ana Maria Ribeiro dos Santos, Maria Zélia de Araújo Madeira, Márcia Teles de Oliveira Gouveia

Resumo


Objetivou-se analisar a relação entre as características dos acidentes motociclísticos e a suspeita do uso de álcool. Estudo descritivo e transversal, realizado com 110 pacientes vítimas de acidentes de motocicleta atendidos em hospital de referência em urgência em uma capital do nordeste do Brasil, cujos dados foram coletados em novembro e dezembro de 2016, e analisados por meio da estatística descritiva, aplicando-se testes inferenciais. Verificou-se associações significativas entre o uso de álcool e a condição da vítima no veículo, habilitação, turno do acidente e uso de capacete. Vítimas sem capacete e que consumiram bebidas alcoólicas apresentaram prevalência maior dentre os acidentados. Os dados alertam sobre a relevância de uma fiscalização direta, efetiva e contínua por parte dos órgãos de trânsito, levando-se em consideração a insuficiência de medidas preventivas para acidentes.


Palavras-chave


Acidentes de trânsito; Motocicletas; Causas externas; Ferimentos e lesões; Prevenção de acidentes.

Texto completo:

PDF PDF (English)


DOI: http://dx.doi.org/10.5380/ce.v22i3.50715 ';





Em caso de dificuldades ou dúvidas técnicas, faça contato com cogitare@ufpr.br

Versão impressa ISSN 1414-8536 (para edições publicadas até 2014)

Versão eletrônica ISSN 2176-9133