Open Journal Systems

Avaliação da sustentabilidade dos municípios sojicultores do estado de Mato Grosso

Adonnay Martins Barbosa, Luís Otávio Bau Macedo, Alexandre Magno de Melo Faria

Resumo


O objetivo desta contribuição centra-se em avaliar o nível de sustentabilidade dos municípios sojicultores de Mato Grosso. Para isso, empregou-se como procedimento metodológico a estimação do Indicador de Sustentabilidade para Municípios Sojicultores (ISMS), composto por quarenta e dois indicadores distribuídos nas dimensões social, demográfica, econômica, político-institucional, ambiental e cultural, classificadas em níveis crítico, alerta, aceitável e muito bom de sustentabilidade. Os municípios foram agrupados em três clusters, em termos do resultado do ISMS, e os resultados indicam que todos os municípios da amostra apresentaram nível de alerta de sustentabilidade. Conclui-se que a expansão da sojicultura em território mato-grossense distribui-se em locais de potencial de pressão sobre os ecossistemas e compartimentos biofísicos, sem a contrapartida de elevação do nível de desenvolvimento local. Esse resultado sinaliza a prioridade da reavaliação da estrutura produtiva dos municípios mato-grossenses e a reversão de políticas públicas que priorizam a expansão da monocultura da sojicultura nas regiões dos ecossistemas Amazônico e do Cerrado.


Palavras-chave


desenvolvimento e meio ambiente; indicador de sustentabilidade; sojicultura

Texto completo:

PDF PDF (English)


DOI: http://dx.doi.org/10.5380/dma.v62i0.85536