Eficiência sistêmica em empreendimentos econômicos solidários de reciclagem: construção e aplicação de indicadores multidimensionais

Joice Pinho Maciel, Adriane Vieira Ferrarini

Resumo


A mensuração da eficiência de organizações econômicas se funda usualmente na racionalidade canônica da economia de mercado, para a qual a maximização de lucros é o propósito central, e o faturamento econômico, seu indicador de êxito. Empreendimentos do campo da economia solidária, cuja eficiência econômica é indissociável de outras dimensões, carecem de instrumentos para a captação desta multidimensionalidade. Este trabalho visa a analisar a aplicação de indicadores multidimensionais para a mensuração da eficiência de empreendimentos econômicos solidários (EES) de reciclagem através da apresentação do estudo de caso na Cooperativa UNIVALE, localizada no Estado do Rio Grande do Sul (Brasil). Para tanto, foi desenvolvido o Índice de Eficiência Multidimensional de Cooperativas de Reciclagem (IEMCR) através de pesquisa exploratória, de revisão teórica e análise de instrumentos (Ferrarini, 2008; Kraychete, 2012; Gaiger & Grupo Ecosol, 2014). O IEMCR foi elaborado a partir de uma visão sistêmica da realidade e mediante a aglutinação de indicadores simples referidos às dimensões econômica, social, política, ambiental e humana. Os resultados da aplicação do IEMRC evidenciaram que os EES pesquisados são eficientes do ponto de vista multidimensional, pois compatibilizam a eficiência econômica com o bem-estar e cidadania dos seus membros; constituem importantes espaços de luta política; geram impacto social e ambiental positivo e contribuem para formas de desenvolvimento mais sustentável e inclusivo. A diversidade de indicadores também oportunizou a identificação de fragilidades e a elaboração de uma pauta propositiva para a melhoria da eficiência multidimensional dos EES, podendo ser um instrumento aplicável tanto a processos de pesquisa quanto de diagnóstico em atividades de assessoria a organizações econômicas que privilegiam o impacto social e ambiental.


Palavras-chave


eficiência; economia solidária; indicadores multidimensionais; sustentabilidade

Texto completo:

PDF


DOI: http://dx.doi.org/10.5380/dma.v54i0.69164

Licença Creative Commons
Esta obra está licenciada sob uma licença Creative Commons Atribuição - Não comercial - Sem derivações 4.0 Internacional.

Desenvolvimento e Meio Ambiente. ISSN: 1518-952X, eISSN: 2176-9109

Flag Counter   

 Licença Creative Commons
Desenvolvimento e Meio Ambiente de https://revistas.ufpr.br/made está licenciada com uma Licença Creative Commons - Atribuição-NãoComercial-SemDerivações 4.0 Internacional.
Podem estar disponíveis autorizações adicionais às concedidas no âmbito desta licença em https://revistas.ufpr.br/made/about.