GÊNEROS TEXTUAIS E TRADIÇÃO ESCOLAR

Iara Bemquerer Costa

Resumo


O trabalho aponta a diferença entre uma concepção de gêneros
textuais desenvolvida pela Lingüística e presente nos
Parâmetros Curriculares Nacionais e a visão tradicional que
ainda orienta a produção de textos nas escolas. Foram analisados
textos produzidos por alunos de escolas públicas de Curitiba
em três níveis de escolaridade: 4a e 8a séries do nível
fundamental e 3o ano do nível médio. Os textos analisados
revelam a permanência de uma concepção de textos sem função
comunicativa, organizada didaticamente a partir dos diferentes
graus de complexidade da realidade representada.

Palavras-chave


gêneros textuais; produção de texto nas escolas; text genres; text writing in schools

Texto completo:

PDF


DOI: http://dx.doi.org/10.5380/rel.v66i0.5112

Revista Letras - ISSN 0100-0888 (versão impressa) e 2236-0999 (versão eletrônica)

 

Licença Creative Commons
Revista Letras está licenciada com uma Licença Creative Commons Atribuição-NãoComercial-SemDerivações 4.0 Internacional.