Open Journal Systems

Dois Johns Correm Juntos: Rabbit, Run de Updike e Paradise Lost de Milton

Luiz Fernando Ferreira Sá, Miriam Piedade Mansur

Resumo


O objetivo deste artigo é trazer à luz os traços do poema épico de John Milton, Paradise Lost, no romance de John Updike, Rabbit, Run, e demonstrar como tais traços se manifestam como uma reflexão dos personagens miltonianos, bem como de suas ações, sobre o protagonista de Updike, Harry Angstrom. Nessa reflexão, a procura de Angstrom pode ser lida em conjunção com o paraíso interior de Milton.

Palavras-chave: John Milton, John Updike, paraíso.

Palavras-chave


Literatura Comparada; Literatura em inglês, Letras

Texto completo:

PDF


DOI: http://dx.doi.org/10.5380/rel.v80i1.15777