Open Journal Systems

SENTIMENTOS DE ACADÊMICOS DE ENFERMAGEM NO ESTÁGIO CURRICULAR SOB A ÓTICA DE HEIDEGGER

Márcia Gabriela Gomes Nascimento, Zélia Marilda Rodrigues Resck, Sueli de Carvalho Vilela

Resumo


Objetivo: compreender os sentimentos dos acadêmicos de Enfermagem durante o Estágio Curricular Obrigatório. Método: pesquisa qualitativa com referencial teórico metodológico da Fenomenologia: descrição, redução e compreensão, e analisada sob a ótica de Heidegger. A coleta de dados ocorreu no segundo semestre de 2016, utilizou-se a técnica de grupo focal com 13 acadêmicos na Escola de Enfermagem de uma Universidade Pública de Minas Gerais. Resultados: emergiram nos depoimentos sentimentos de insegurança, medo, cobrança pessoal, solidão, angústia, alegria, felicidade e tristeza. Conclusão: a maturidade psicológica e algumas características pessoais serão fatores que facilitarão a vivência e compreensão desses sentimentos, favorecendo o crescimento pessoal e profissional. A universidade, conhecendo essas experiências, pode também contribuir com estratégias para amenizá-las, auxiliando na promoção de saúde mental.


Palavras-chave


Estudantes de enfermagem; Emoções; Estágio clínico; Saúde mental; Universidades.

Texto completo:

PDF PDF (English)


DOI: http://dx.doi.org/10.5380/ce.v23i4.57562