ESTRATÉGIAS DIDÁTICAS IDENTIFICADAS JUNTO A GRADUANDOS DE ENFERMAGEM

Suzel Regina Ribeiro Chavaglia, Maria Helena Barbosa, Alvaro da Silva Santos, Rafaela Dagma Duarte, Divanice Contim, Rosali Isabel Barduchi Ohl

Resumo


Objetivos: identificar as estratégias, os recursos didáticos e as ferramentas digitais utilizados no ensino de
graduação em Enfermagem na opinião dos estudantes. Método: Estudo descritivo, transversal, realizado no período
de maio a agosto de 2016, com 149 graduandos de Enfermagem de uma universidade pública de Minas Gerais. Os
dados foram analisados de forma descritiva simples pelo Statistical Package for the Social Sciences (SPSS), versão
20.0. Resultados: As estratégias de ensino predominantes foram: as aulas expositivo-dialogadas, 147 (94,6%) e aulas
expositivas 131 (87,9%). Os recursos de ensino foram: Data Show 148 (99,3%); leitura de artigos 146 (98%) e projetor
de slides 142 (95,3%). As ferramentas digitais predominantes foram: a Apresentação Digital PowerPoint, 147 (98,7%);
o e-mail, 145 (97,4%) e a ferramenta de pesquisa Google, com 144 (96,7%). Conclusão: Os resultados demonstram a
necessidade de maior diversificação e utilização de estratégias diversas que empreguem as Tecnologias de Informação
e Comunicação no ensino de Enfermagem.


Palavras-chave


Tecnologia da informação; Meios de comunicação; Ensino; Educação em enfermagem; Enfermagem.

Texto completo:

PDF PDF (English)


DOI: http://dx.doi.org/10.5380/ce.v23i3.53876 ';



Licença Creative Commons
Este obra está licenciado com uma Licença Creative Commons Atribuição 4.0 Internacional.

 

Em caso de dificuldades ou dúvidas técnicas, faça contato com cogitare@ufpr.br

Cogitare Enfermagem. ISSN Eletrônico: 2176-9133