Open Journal Systems

DE INTERDISCIPLINARIDADE E MULTIRREFERENCIALIDADE NA EDUCAÇÃO SUPERIOR EM SAÚDE

Maria Helena Salgado Bagnato, Rogério Dias Renovato, Greicelene Aparecida Hespanhol Bassinell

Resumo


O objetivo deste trabalho é situar alguns entendimentos de interdisciplinaridade, problematizar sua inserção na área da saúde e inserir diálogos com outra perspectiva epistemológica, a multirreferencialidade, e assim ampliar possibilidades de pensar a formação de profissionais da saúde. A perspectiva interdisciplinar tem assumido vários sentidos no campo educacional e surge como uma maneira de se contrapor ao conceito de mundo estático que se faz presente nos processos de formação profissional. Já, a multirreferencialidade se propõe, analisar fatos, práticas e situações dos fenômenos educativos, quebrando fronteiras disciplinares, tendo outros olhares a partir de sistemas de referências distintos. Neste sentido, é possível produzir novos conhecimentos, auxiliando a concretizar projetos de inserção efetiva de todos os cidadãos aos bens sociais. Este processo traz desafios que os educadores poderão enfrentar, pois acreditamos que nos interstícios das contradições é possível vislumbrar uma outra ordem social.


Palavras-chave


Interdisciplinaridade; Multirreferencialidade; Educação superior em saúde; Currículo.

Texto completo:

PDF


DOI: http://dx.doi.org/10.5380/ce.v12i3.10035