DEMONSTRANDO UMA INTUIÇÃO EQUIVOCADA: O USO DA LÓGICA E DA COMPUTAÇÃO NA LINGÜÍSTICA

Luiz Arthur Pagani

Resumo


O presente texto procura corrigir uma pequena falha cometida em um nota do artigo `O efeito labirinto além da sintaxe' (Letras, 63: 177--195). Nesta nota se afirmava que deveria ser possível derivar uma certa operação na Gramática Categorial; o que se demonstra aqui é que, infelizmente, essa derivação é impossível.

Palavras-chave


Sentenças-labirinto; Processamento de Língua Natural; Gramática Categorial

Texto completo:

PDF


DOI: http://dx.doi.org/10.5380/rel.v71i0.4575

Revista Letras - ISSN 0100-0888 (versão impressa) e 2236-0999 (versão eletrônica)

 

Licença Creative Commons
Revista Letras está licenciada com uma Licença Creative Commons Atribuição-NãoComercial-SemDerivações 4.0 Internacional.