Open Journal Systems

ARTHUR DE SALLES: UM TROVADOR MEDIEVAL?

Alicia Duhá Lose

Resumo


Em pleno século XX, Arthur de Salles, poeta baiano, usa de toda a sua cultura para escrever um poema nos moldes das cantigas trovadorescas do medievo. O poeta, um obcecado pela perfeição, um estudioso inveterado, procurou cumprir o seu objetivo,
complementando a estrutura de seu poema com um vocabulário arcaizante, fazendo uso de palavras e expressões presentes em diversos cancioneiros.

Palavras-chave


Arthur de Salles; poesia medieval; acervo literário

Texto completo:

PDF


DOI: http://dx.doi.org/10.5380/rel.v58i0.18336