Open Journal Systems

“Indispensáveis em todas as escolas”: uma incursão no mundo dos objetos escolares

Heloísa Helena Pimenta Rocha

Resumo


Este artigo toma como fontes catálogos comerciais da Companhia Melhoramentos
de São Paulo, empresa editorial que teve importante atuação na produção e comercialização de uma ampla gama de objetos escolares, buscando examinar a atuação da indústria na configuração da cultura material da escola primária, nas primeiras décadas do século XX. Criada em 1890, a Companhia Melhoramentos deslocou os seus investimentos, a partir de 1915, da impressão e encadernação para a edição de livros, a produção e a venda de materiais escolares os mais diversos, com vistas a dar suporte às práticas escolares, ao mesmo tempo em que buscava suscitar novas necessidades de consumo e ampliar os seus negócios, num contexto marcado pela difusão da escola primária em São Paulo. Com base no exame dos catálogos da editora e na problematização do seu potencial como fontes para o estudo da cultura
material escolar, procura-se levantar os artefatos destinados ao trabalho no âmbito das disciplinas que compunham o currículo e às práticas que tinham lugar na escola e, por essa via, capturar indícios da dimensão material da escolarização da infância.


Texto completo:

PDF