CONSIDERAÇÕES SOBRE UMA CONCEPÇÃO CRÍTICO-DIALÉTICA E ALTERNATIVA DO DIREITO

Jeferson Fernando Celos

Resumo


O presente artigo busca delinear algumas características de uma concepção crítico-dialética e alternativa do Direito. Por esta concepção entende-se que o Direito é um fenômeno dinâmico e complexo. Mas, defende-se que o Direito também pode ser atuado como instrumento de transformação social. Assim, pugna-se por um saber-agir diferenciado, pautado pela interdisciplinaridade, pluralidade, criatividade, pela radicalidade democrática, pelo caminhar junto com outros atores sociais. Uma práxis insurgente se revela como contestatória, inserindo-se nos marcos de uma luta por uma outra sociedade, outras relações construídas na base da libertação, da ética da alteridade e da justiça material.


Palavras-chave


Direito; Direito alternativo; Teoria crítica; Transformação social; Teoria do direito; Práxis.

Texto completo:

PDF


DOI: http://dx.doi.org/10.5380/rfdufpr.v43i0.7016

Revista da Faculdade de Direito UFPR. ISSN: 0104-3315 (impresso) 2236-7284 (eletrônico).