REPRESENTAÇÕES SOCIAIS DE ADOLESCENTES SOBRE O PROCESSO DE ADOECER E ADOLESCER COM CÂNCER

Marta Solange Camarinha Ramos Costa, Silvio Éder Dias da Silva, Aline Maria Pereira Cruz Ramos, Tatiana Menezes Noronha Panzetti, Mary Elizabeth de Santana

Resumo


Objetivo: descrever as representações sociais de adolescentes sobre o processo de adoecimento
de câncer.
Método: estudo descritivo, com abordagem qualitativa, embasado na Teoria das Representações
Sociais, com 31 adolescentes em tratamento oncológico em um hospital público, em Belém do
Pará. Realizado com entrevistas individuais, submetidas à análise temática indutiva.
Resultados: identificaram-se três categorias temáticas: o câncer como doença psicossocial; a
vivência do adoecer e adolescer com câncer; e o enfrentamento das alterações corporais advindas
do adoecimento.
Conclusão: o estudo contribuiu para a compreensão das representações sociais sobre o câncer na
adolescência, subsidiando o enfermeiro na construção de conhecimentos junto ao adolescente
com câncer, para assistência de maior qualidade.


Palavras-chave


Enfermagem; Cuidados de enfermagem; Saúde do adolescente; Oncologia; Psicologia social.

Texto completo:

PDF PDF (English)


DOI: http://dx.doi.org/10.5380/ce.v24i0.62807 ';



URL da licença: https://creativecommons.org/licenses/by/4.0/

Em caso de dificuldades ou dúvidas técnicas, faça contato com cogitare@ufpr.br

Versão impressa ISSN 1414-8536 (para edições publicadas até 2014)

Versão eletrônica ISSN 2176-9133