PERCEPÇÃO DO FAMILIAR CUIDADOR ACERCA DOS PROBLEMAS ENFRENTADOS PELA CRIANÇA FRENTE O DIAGNÓSTICO DE HIV/AIDS

Márcia Marcos de Lara, Giovana Calcagno Gomes, Camila Magroski Goulart Nobre, Bianca Contreira de Jung, Aline Rodrigues Costa, Eloisa da Fonseca Rodrigues

Resumo


Objetivou-se conhecer a percepção do familiar cuidador acerca dos problemas enfrentados pela criança frente o diagnóstico de Síndrome da Imunodeficiência Humana. Realizou-se pesquisa qualitativa, exploratória e descritiva em um Hospital Dia referência do sul do país, no segundo semestre de 2014. Participaram dez familiares cuidadores de crianças atendidas no serviço. Os dados foram coletados por meio de entrevistas semiestruturadas e submetidos à análise de conteúdo. Os resultados destacaram como problemas enfrentados pelo familiar cuidador a necessidade de internações hospitalares frequentes, ser a única pessoa com o vírus na família, sofrer preconceito na família e na escola; apresentar atraso no crescimento e problemas psicológicos. É necessário que assumamos o nosso papel educativo junto a estas famílias no sentido de auxiliá-las no desenvolvimento de estratégias efetivas de cuidado à criança.


Palavras-chave


Síndrome de Imunodeficiência Adquirida; HIV; Criança; Família; Enfermagem.

Texto completo:

PDF PDF (English)


DOI: http://dx.doi.org/10.5380/ce.v22i4.50882 ';



Licença Creative Commons
Este obra está licenciado com uma Licença Creative Commons Atribuição 4.0 Internacional.

 

Em caso de dificuldades ou dúvidas técnicas, faça contato com cogitare@ufpr.br

Cogitare Enfermagem. ISSN Eletrônico: 2176-9133