Open Journal Systems

REPENSANDO O MODO DE CUIDAR DO SER PORTADOR DE DOENÇA MENTAL E SUA FAMÍLIA A PARTIR DE HEIDEGGER

Adriane Maria Netto de Oliveira, Valéria Lerch Lunardi, Mara Regina Santos

Resumo


Pesquisa qualitativa de inspiração
fenomenológica, baseada em Heidegger, cujo tema propõe
uma compreensão do significado de cuidar e ser cuidado
para o ser portador de doença mental e sua família. Desvelando
e compreendendo os significados atribuídos aos modos
de cuidar, por estes seres, nos possibilitou repensar a
maneira como cuidamos e o que precisa ser modificado
para atender as necessidades do ser doente e de sua família
frente a facticidade da doença mental. Foi possível compreender
a necessidade da família de ser cuidada frente à
manifestação da doença mental, principalmente, durante seu
início. As famílias e o seu familiar doente manifestaram
angústia e tristeza diante da internação no hospital psiquiátrico,
em função da maneira como é prestado o cuidado
nesta instituição, considerando que ela não promove sua
reabilitação psicossocial.

Palavras-chave


Cuidado de enfermagem; Família; Saúde mental; Nursing care; Family; Mental health; Atención de enfermería; Familia; Salud mental

Texto completo:

PDF