CONTEXTO DE AMBIENTE DE TRABALHO ENTRE ENFERMEIRAS ASSISTENCIAIS EM HOSPITAL UNIVERSITÁRIO

Flávia Boaretto, Maria do Carmo Fernandez Lourenço Haddad, Mariana Angela Rossaneis, Raquel Gvozd, Paloma de Souza Cavalcante Pissinati

Resumo


Objetivou-se analisar o ambiente de trabalho favorável à prática profissional de enfermeiros em hospital universitário público. Estudo transversal e quantitativo, realizado com 60 enfermeiros assistenciais, com o questionário Nursing Work Index – Revised. Os dados foram coletados entre novembro 2014 e janeiro de 2015. Dentre os pesquisados, 45 (75%) enfermeiros consideravam-se satisfeitos com seu trabalho. Todos os 12 setores da instituição apresentaram características favoráveis à prática do enfermeiro nos aspectos de suporte dos gestores, autonomia e controle dos processos de trabalho, sobretudo nas unidades de Transplante de Medula Óssea e a Unidade de Doenças Infectocontagiosas, que se diferenciavam por serem especializadas e com menor de rotatividade de funcionários. A relação médico-enfermeiro foi destacada como um dos pontos críticos, obtendo escores mais insatisfatórios. Conclui-se que a análise de características que favorecem a prática profissional do enfermeiro pode ampliar a discussão de estratégias que contribuam para o trabalho em Enfermagem em serviços de saúde.

Palavras-chave


Ambiente de instituições de saúde; Hospitais universitários; Enfermagem; Prática profissional; Ambiente de trabalho.

Texto completo:

PDF PDF (English)


DOI: http://dx.doi.org/10.5380/ce.v21i2.44006 ';





Em caso de dificuldades ou dúvidas técnicas, faça contato com cogitare@ufpr.br

Versão impressa ISSN 1414-8536 (para edições publicadas até 2014)

Versão eletrônica ISSN 2176-9133