RECURSO COMPUTACIONAL AUXILIAR AO ENSINO DO RACIOCÍNIO DIAGNÓSTICO: INTENÇÕES E VALORES IDENTIFICADOS

Fabiane Novais Moreno, Marcia Regina Cubas, Andreia Malucelli, Carla Luiza da Silva

Resumo


Trata-se de pesquisa exploratória qualitativa, cujo objetivo foi analisar intenções e valores de um recurso computacional
para auxílio ao ensino do processo de raciocínio diagnóstico. Após aprovação por Comitê de Ética, foram entrevistados seis docentes de
enfermagem, cujos discursos foram submetidos à análise de discurso. Os temas foram agrupados em nove subcategorias, sendo cinco
relacionadas às intenções: facilitador de processo de raciocínio clínico, auto avaliação e avaliação do aluno, reflexão sobre a prática,
facilitador do ensino-aprendizagem e indutor de mudança; e quatro aos valores: utilidade para prática assistencial, inovação, aprendizagem
e capacitação contínua. Verificou-se que os docentes assimilaram a necessidade da utilização de recursos computacionais, mas enfatizam que
esse somente beneficiará o aluno a desenvolver o raciocínio se o aprendiz realizar estudos paralelos. A análise evidencia que o recurso pode
aperfeiçoar o processo de raciocínio diagnóstico e dinamizar o estudo de uma maneira interativa, sem preterir o método tradicional de ensino


Palavras-chave


Informática em enfermagem; Tecnologia educacional; Educação em enfermagem; Aprendizagem.

Texto completo:

PDF


DOI: http://dx.doi.org/10.5380/ce.v18i4.34918 ';





Em caso de dificuldades ou dúvidas técnicas, faça contato com cogitare@ufpr.br

Cogitare Enfermagem. ISSN Eletrônico 2176-9133 / ISSN Impresso 1414-8536