Open Journal Systems

EQUIPE DE SAÚDE DA FAMÍLIA E O USO DE DROGAS ENTRE ADOLESCENTES

Simone Campos Ferreira, Richardson Miranda Machado

Resumo


Estudo transversal de caráter epidemiológico e descritivo com o objetivo de analisar o uso de álcool e/ou drogas
por adolescentes da área de abrangência de uma equipe da Estratégia Saúde da Família, em 2011. Foram entrevistados 142
adolescentes, os quais responderam a dois questionários, um com dados socioeconômicos e outro denominado Drug Use
Screening Inventory. Encontrou-se semelhança entre os sexos; maior consumo de drogas entre 10 a 12 anos e 16 a 18 anos de
idade; e menor consumo entre os católicos e evangélicos. As substâncias mais consumidas foram analgésico, álcool e tabaco;
observou-se maior intensidade de problemas nas áreas de lazer e recreação, competência social e padrões de comportamento.
Os dados apresentam informações relevantes para o planejamento de estratégias preventivas ao uso de drogas na adolescência.


Palavras-chave


Adolescente; Detecção do abuso de substâncias; Saúde pública.

Texto completo:

PDF


DOI: http://dx.doi.org/10.5380/ce.v18i3.33560