CARACTERIZAÇÃO DOS PRODUTOS GERADORES DE RESÍDUOS QUÍMICOS PERIGOSOS: ESTUDO EM UM HOSPITAL PÚBLICO UNIVERSITÁRIO

Taiza Florêncio Costa, Vanda Elisa Andres Felli, Angela Maria Magosso Takayanagui, Leny Borghesan Albertini, Patrícia Campos Pavan Baptista

Resumo


Estudo descritivo com o objetivo de identificar nas áreas de farmácia e almoxarifado de um Hospital Universitário os grupos de produtos caracterizados como geradores de Resíduos Químicos Perigosos segundo a classificação dos dispositivos legais. Para coleta de dados, realizada em 2008, foi utilizado um formulário para identificação destes produtos. A análise dos dados revelou a existência de 138 itens classificados em 12 Grupos de produtos que, uma vez utilizados ou vencidos, geram resíduos com características de periculosidade de acordo com a Agência Nacional de Vigilância Sanitária brasileira. O princípio ativo desses produtos apresentam riscos à saúde, como toxicidade aos diversos órgãos e sistemas do corpo humano, assim como potencial de inflamabilidade, corrosividade e reatividade de algumas substâncias. Essas características são de grande relevância, uma vez que os resíduos químicos poderão, em algum momento, causar impacto negativo para a saúde do trabalhador, saúde pública e meio ambiente. 

Palavras-chave


Resíduos químicos; Saúde ocupacional; Saúde pública; Saúde ambiental.

Texto completo:

PDF


DOI: http://dx.doi.org/10.5380/ce.v18i1.31315 ';





Em caso de dificuldades ou dúvidas técnicas, faça contato com cogitare@ufpr.br

Cogitare Enfermagem. ISSN Eletrônico 2176-9133 / ISSN Impresso 1414-8536