RISCOS AMBIENTAIS EM UM SERVIÇO DE ATENÇÃO SECUNDÁRIA À SAÚDE

Juliana Trebi Penatti, Tatiane Bonametti Veiga, Adriana Aparecida Mendes, Ana Paula Milla dos Santos, Angela Maria Magosso Takayanagui

Resumo


Esta pesquisa foi realizada com o objetivo de identificar e quantificar os riscos ambientais (RA), envolvendo alguns membros da equipe multidisciplinar de um serviço de atenção secundária à saúde, e não especificamente a enfermagem, visando contribuir para o alcance de melhores condições de saúde ocupacional do local de estudo. Trata-se de uma pesquisa de campo, de caráter descritivo e exploratório, e de abordagem quali-quantitativa. A partir do perfil e atuação profissional dos participantes foi possível identificar conhecimento e a percepção desses sujeitos sobre RA, bem como obter a identificação e quantificação dos RA referidos. Os dados levantados permitem identificar a percepção dos RA presentes no cenário de estudo e suscitar novas abordagens para o trabalho gerencial no serviço, principalmente de caráter educacional e estrutural do local. Também evidencia preocupação dos sujeitos sobre questões relativas às condições de trabalho e aos riscos presentes em suas atividades diárias.


Palavras-chave


Saúde ambiental; Saúde ocupacional; Riscos ambientais

Texto completo:

PDF


DOI: http://dx.doi.org/10.5380/ce.v18i2.28186 ';





Em caso de dificuldades ou dúvidas técnicas, faça contato com cogitare@ufpr.br

Cogitare Enfermagem. ISSN Eletrônico 2176-9133 / ISSN Impresso 1414-8536