A SOCIOLOGIA COMPREENSIVA DE MICHEL MAFFESOLI: IMPLICAÇÕES PARA A PESQUISA EM ENFERMAGEM

Juliana Fernandes da Nóbrega, Rosane Gonçalves Nitschke, Ana Izabel Jatobá Souza, Evanguelia Kotzias Atherino dos Santos

Resumo


Trata-se de um estudo reflexivo sobre a Sociologia Compreensiva de Maffesoli e sua relação com trabalhos na área da saúde. O texto traz uma breve biografia do autor, suas noções e os cinco pressupostos teóricos e da sensibilidade. Maffesoli defende que o racionalismo estático, símbolo do pensamento moderno, precisa dar lugar à racionalidade aberta pós-moderna – a razão sensível – que apela para o entusiasmo, para o instinto. Para ele, é necessário que haja um equilíbrio entre razão e sentimento para analisar um fenômeno. Acreditando que há algo mais, além de números, medidas e desfechos, estudiosos têm proposto o uso da razão sensível no processo de pesquisa. Portanto, a Sociologia Compreensiva, ao oferecer outra visão sobre as relações humanas, contribui sobremaneira às pesquisas no meio acadêmico, em especial às pesquisas em Enfermagem. 

Palavras-chave


Pesquisa em enfermagem; Filosofia; Sociologia.

Texto completo:

PDF


DOI: http://dx.doi.org/10.5380/ce.v17i2.24572 ';



Licença Creative Commons
Este obra está licenciado com uma Licença Creative Commons Atribuição 4.0 Internacional.

 

Em caso de dificuldades ou dúvidas técnicas, faça contato com cogitare@ufpr.br

Cogitare Enfermagem. ISSN Eletrônico: 2176-9133