PROCESSO DE ENFERMAGEM: ANÁLISE DE DISSERTAÇÕES E TESES DE ENFERMAGEM NO BRASIL DE 1979-2007

Denise Tomaz Aguiar, Gemma Galgani Martins de Meneses, Francisco José Maia Pinto, Thereza Maria Moreira Magalhães, Ana Virginia de Melo Fialho

Resumo


O Processo de Enfermagem direciona as atividades do Enfermeiro para um cuidado sistemático. Este estudo bibliográfico e quantitativo investigou o conhecimento produzido pelos programas de pós-graduação brasileiros em Enfermagem sobre Processo de Enfermagem, de 1979 a 2007. Os dados foram coletados do CD-ROM e da página da Associação Brasileira de Enfermagem que dispõe dos catálogos do Centro de Estudos e Pesquisas em Enfermagem. Um total de 112 estudos foram submetidos a uma análise descritivo-frequencial. Percebe-se crescente número de estudos sobre a temática nos últimos anos 57 (50,9%), com foco nos sujeitos assistidos 38(33,9%); destaca-se que 48 (42,8%) dos estudos utilizaram as teorias de enfermagem como referencial, e constatou-se um predomínio na etapa do diagnóstico de enfermagem. A temática apresenta crescimento na produção científica, embora em sua maioria esta fragmente o processo de enfermagem com abordagem somente de uma ou duas de suas etapas.

Palavras-chave


Enfermagem; Processos de enfermagem; Assistência ao usuário

Texto completo:

PDF


DOI: http://dx.doi.org/10.5380/ce.v15i4.20379 ';



Licença Creative Commons
Este obra está licenciado com uma Licença Creative Commons Atribuição 4.0 Internacional.

 

Em caso de dificuldades ou dúvidas técnicas, faça contato com cogitare@ufpr.br

Cogitare Enfermagem. ISSN Eletrônico: 2176-9133