PERCEPÇÃO DO USUÁRIO DA ESTRATÉGIA SAÚDE DA FAMÍLIA SOBRE A FUNÇÃO DO ENFERMEIRO

Roniélha Moreira dos Santos, Liliane da Consolação Campos Ribeiro

Resumo


A Enfermagem em Atenção Primária vem conquistando espaços e se estruturando juntamente com a Estratégia Saúde da Família (ESF). Este estudo, do tipo exploratório, descritivo e de abordagem qualitativa, teve por objetivos identificar e analisar a percepção que usuários de ESF têm da função do enfermeiro; os dados foram coletados por meio de entrevistas semidirigidas e categorizados utilizando-se a técnica de Análise de Conteúdo proposta por Bardin. Após a análise, emergiram as categorias temáticas: Reconhecimento da identidade do enfermeiro; Desconhecimento do real trabalho do enfermeiro; Assistência curativa e individual; e Figura benevolente. A pesquisa subsidiou a compreensão do trabalho do enfermeiro na percepção dos usuários da ESF, caracterizado pela assistência curativa e individual, evidenciando a necessidade de reorientação de seu trabalho.

Palavras-chave


Programa saúde da família; Enfermagem; Percepção

Texto completo:

PDF


DOI: http://dx.doi.org/10.5380/ce.v15i4.20373 ';



Licença Creative Commons
Este obra está licenciado com uma Licença Creative Commons Atribuição 4.0 Internacional.

 

Em caso de dificuldades ou dúvidas técnicas, faça contato com cogitare@ufpr.br

Cogitare Enfermagem. ISSN Eletrônico: 2176-9133