AMBIENTE DIGITAL DE APRENDIZAGEM: DO DESIGN ÀS PRÁTICAS

Eglantine Guély Costa

Resumo


O CRAPEL (Centro de Pesquisas e Práticas Pedagógicas em Línguas) desenvolveu um ambiente digital de aprendizagem com o intuito de reunir elementos característicos dos centros de recursos de línguas para construir um dispositivo autodirigido de inglês. Apresentaremos este ambiente onde comparamos os dados relacionados ao uso do ambiente digital de seis alunos aprendizes no ambiente projetado com trechos de entrevista de aconselhamento pedagógico realizadas com eles. Mostraremos como este ambiente evidencia uma pedagogia da autonomia e procuraremos determinar as alavancas e freios ligados à sua utilização.

Traduzido por: Ayumi Nakaba Shibayama e Andrea Sousa dos Santos


Palavras-chave


ambiente digital de aprendizagem, centro de recursos, dados de aprendizagem, autonomia do aluno aprendiz.

Texto completo:

PDF


DOI: http://dx.doi.org/10.5380/rvx.v2i0.2014.40348

Revista X. ISSN: 1980-0614