PERCEPÇÃO DE EQUIPE DE ENFERMAGEM SOBRE ESPIRITUALIDADE NOS CUIDADOS DE FINAL DE VIDA

Brener Santos Silva, Elbert Eddy Costa, Iêda Glória de Souza Picasso e Silva Gabriel, Alexandre Ernesto Silva, Richardson Miranda Machado

Resumo


O objetivo do estudo foi investigar a percepção da equipe de enfermagem acerca da espiritualidade nos cuidados de final de vida. Trata-se de estudo qualitativo descritivo, realizado com 20 profissionais de enfermagem de um hospital da região Centro-Oeste de Minas Gerais. A coleta de dados ocorreu no período de maio a junho de 2014 no setor de oncologia, por meio de um questionário semiestruturado. Os dados foram analisados na técnica de análise de conteúdo. Os resultados apontam que, embora a equipe de enfermagem tenha boa aceitação da morte, a espiritualidade é pouco abordada e ainda existe despreparo para abordar este aspecto na assistência ao paciente em fase final de vida. Com base nesses achados, torna-se necessária a inclusão do tema nos currículos das instituições de nível superior e técnico em enfermagem e ainda mais estudos na área, como forma de sensibilização e capacitação dos profissionais.


Palavras-chave


Cuidados paliativos; Espiritualidade; Equipe de enfermagem; Enfermagem; Morte.

Texto completo:

PDF PDF (English)


DOI: http://dx.doi.org/10.5380/ce.v21i4.47146 ';



Licença Creative Commons
Este obra está licenciado com uma Licença Creative Commons Atribuição 4.0 Internacional.

 

Em caso de dificuldades ou dúvidas técnicas, faça contato com cogitare@ufpr.br

Cogitare Enfermagem. ISSN Eletrônico: 2176-9133