SEGURANÇA DO PACIENTE NA ATENÇÃO PRIMÁRIA À SAÚDE: REVISÃO INTEGRATIVA

Karina Oliveira de Mesquita, Lielma Carla Chagas da Silva, Roberta Cavalcante Muniz Lira, CibellyAliny Siqueira Lima Freitas, Geison Vasconcelos Lira

Resumo


Revisão integrativa que objetivou analisar produções científicas sobre a Segurança do paciente na Atenção Primária à Saúde. Realizada de janeiro a março de 2016, em periódicos nacionais, internacionais e nas bases de dados em ciências da saúde da Biblioteca Virtual em Saúde. Selecionaram-se dez artigos que respondiam à questão norteadora: de que forma é evidenciada na literatura a temática Segurança do Paciente na Atenção Primária à Saúde? Observou-se que as publicações datavam de 2008 em diante, com temática variando entre investigação da cultura de segurança, relação da segurança do paciente com a prevenção de eventos adversos e avaliação de incidentes, e tradução de instrumento para avaliação da segurança do paciente. O conteúdo evidenciado pela análise permitiu concluir sobre a importância de discutir sobre segurança de modo a contribuir na melhoria da qualidade da assistência à saúde, assim como a necessidade de novos estudos, haja vista relevância do tema e pouca produção científica na área.

Palavras-chave


Segurança do paciente; Atenção primária à saúde; Cuidados de enfermagem.

Texto completo:

PDF PDF (English)

Referências


Sorra J, Famolaro T, Dyer N, Nelson d, Khanna K. Hospital survey on patient safety culture. Rockville (US): Agency for Healthcare Research and Quality. 2009.

Kohn, LT, Corrignan JM, Donaldson MS. To err is human: building a safer health system. 2ª ed. Washington: National Academy Press, 1999.

Capucho HC, Cassiani SHB. Necessidade de implantar programa nacional de segurança do paciente no Brasil. Rev Saúde Pública. São Paulo. 2013; 47(4): 791-798.

Silva LD, Camerini FG. Análise da administração de medicamentos intravenosos em hospital da rede sentinela. Texto contexto - enferm. [Internet]. 2012 Sep [cited 2016 Mar 01]; 21(3): 633-641. Available from: http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S0104-07072012000300019&lng=en.

Makeham M, Dovey S, Runciman W, Larizgoitia I. Methods and measures used in primary care patient safety research. Geneva: World Health Organization. 2008.

Donaldson SL. An international language for patient safety: Global progress in patient safety requires classification of key concepts. Int J Qual Health Care. 2009; 21(1).

Starfield B, Shi L, Macinko J. Contribution of primary care to health systems and health. Milbank Q. 2005; 8:457-502.

Stelfox HT, Palmisani S, Scurlock C, Orav EJ, Bates DW. The “To Err is Human” report and the patient safety literature. QualSaf Health Care. 2006; 15:174-178.

Brasil. Ministério da Saúde. Portaria n. 529, de 1º de abril de 2013: institui o Programa Nacional de Segurança do Paciente (PNSP) [Internet]. Brasília (DF); 2013. [cited 2015 nov 23]. Avaiable from: http://bvsms.saude.gov.br/bvs/saudelegis/gm/2013/prt0529_01_04_2013.html.

Polit DF, Beck CT. Using research in evidence-based nursing practice. In: Polit DF, Beck CT, editors. Essentials of nursing research. Methods, appraisal and utilization. Philadelphia (USA): Lippincott Williams & Wilkins; 2011.

Marchon SG, Mendes Junior WV. Questionário para avaliar a segurança do paciente na Atenção Primária em Saúde. Cad Saúde Pública. Rio de Janeiro, 2015 jul; 31(7):1395-1402.

Reis CT, Martins M, Laguardia J. A segurança do paciente como dimensão da qualidade do cuidado de saúde: um olhar sobre a literatura. Ciênc Saúde Coletiva. 2013 Jul; 18(7): 2029-2036.

Padoveze MC, Figueiredo RM. O papel da Atenção Primária na prevenção de Infecções Relacionadas à Assistência à Saúde. Rev Esc Enferm. USP. São Paulo. 2014 dez; 48(6): 1137-1144.

Locks L, Lacerda JT, Gomes E, Serratine ACP. Qualidade da higienização das mãos de profissionais atuantes em Unidades Básicas de Saúde. Rev Gaúcha de Enferma. Porto Alegre (RS). 2011; 32(3):569-75.

Marchon SG, Mendes Junior WV. Segurança do paciente na atenção primária à saúde: revisão sistemática. Cad Saúde Pública. 2014; 30: 1815-35.

Paese F, Dalsasso GTM. Cultura da segurança do paciente na atenção primária à saúde. Texto Contexto Enferm. Florianópolis. 2013; 22(2) 302-10.

Bodur S, Filiz E. A survey on patient safety culture in primary healthcare services in Turkey. Quality in Health Care. 2009; 21(5): 348-355.

Gehring K. et al. Safety climate and its association with office type and team involvement in primary care. Quality in Health Care. 2013; 25(4): 394-402.

Kennedy AG, Littenberg B, Senders JW. Using nurses and office staff to report prescribing errors in primary care. Quality and Safety Healthcare. 2008; 20(4):238-245.

Verbakel NJ. et al. Exploring patient safety culture in primary care. Quality in Health Care. 2014; 26(6):585-591.




DOI: http://dx.doi.org/10.5380/ce.v21i2.45665 ';



Licença Creative Commons
Este obra está licenciado com uma Licença Creative Commons Atribuição 4.0 Internacional.

 

Em caso de dificuldades ou dúvidas técnicas, faça contato com cogitare@ufpr.br

Cogitare Enfermagem. ISSN Eletrônico: 2176-9133