Open Journal Systems

DIAGNÓSTICO DAS CONDIÇÕES DE ATENDIMENTO DE EMERGÊNCIA EM PRONTO-SOCORRO

Enedina Soares, Luci Zysko, Izabel Crisina R. Regazzi, Leila Rangel da Silva

Resumo


Trata do processo de atendimento de enfermagem em pronto-socorro. Dentre os aspectos mais relevantes do atendimento, as autoras consideram o imediatismo das prioridades impostas pela situação apresentada. O estudo foi desenvolvido em um hospital localizado na cidade do Rio de Janeiro, em dois períodos distintos: setembro a novembro de 1994 e abril a junho de 1995. A amostra constou de 20 pacientes, selecionados por conveniência entre os que se apresentavam gravemente enfermos ou politraumatizados que corriam risco de vida e necessitavam de atendimento médico e de enfermagem imediata. Para coleta dos dados, utilizou-se o método de observação participante, e. uma ficha suporte instrumental para registros. Os dados foram apresentados de forma descritiva e analisados à luz da teoria de Orlando. Dentre os aspectos identificados e que merecem maior reflexão apontou-se: reestruturação de conceitos de prioridade, melhor dimensionamento do tempo e espaço terapêutico, premência sobre aperfeiçoamento e conhecimento teórico, adequação dos recursos disponíveis e adoção de uma sistematização do processo de atendimento entendida como marco disciplinador das tomadas de decisões.

Palavras-chave


Enfermagem; Emergências; Diagnóstico de enfermagem.

Texto completo:

PDF


DOI: http://dx.doi.org/10.5380/ce.v1i1.44954