POLÍTICAS EM ENFERMAGEM: UM APRENDIZADO ESSENCIAL PARA ESTUDANTES DE PÓS-GRADUAÇÃO

Andrée-Anne Bérubé, Audrey Frenette, Clémence Dallaire, Elizabeth Bernardino, Julie Blanchet, Sophie Pomerleau

Resumo


No Canadá, como em outros lugares, enfermeiros devem enfrentar muitos desafios caso queiram participar como um
grupo que influencia em organizações de cuidados em saúde. Contudo, existem alguns facilitadores, entre eles estão a habilidade de
analisar o contexto, assuntos e percurso correto de ações sob a perspectiva política. Este artigo compartilha o resultado de aprendizado de estudantes de pós-graduação durante um seminário em politicas relacionadas aos serviços de administração de enfermagem na Universidade Laval, Quebec, Canadá. O objetivo deste artigo é apresentar o aprendizado alcançado sobre temas e assuntos discutidos e introduzir ferramentas para análise política, úteis para descrever a atual posição de enfermagem no sistema de saúde. No final do seminário, o aprendizado permitiu aos estudantes compreender diferentes elementos que devem ser considerados para avaliar a atual situação no que diz respeito a assuntos importantes para a profissão, e considerar percursos de ação para influenciar seu desenvolvimento.


Palavras-chave


Programa de Pós-graduação em Saúde; Enfermagem; Política.

Texto completo:

PDF


DOI: http://dx.doi.org/10.5380/ce.v18i4.34941 ';





Em caso de dificuldades ou dúvidas técnicas, faça contato com cogitare@ufpr.br

Cogitare Enfermagem. ISSN Eletrônico 2176-9133 / ISSN Impresso 1414-8536