CAPACIDADE ANTIOXIDANTE, COMPOSTOS FENÓLICOS, ÁCIDO ASCÓRBICO E CONTEÚDO DE LICOPENO DE NÉCTARES E SUCOS DE GOIABA (Psidium guajava L.)

CARLOS ALEXANDRE KOGUISHI DE BRITO, PRISCILA BECKER SIQUEIRA, JANE CRISTINA DE SOUZA, HELENA MARIA ANDRÉ BOLINI

Abstract


O objetivo deste trabalho foi determinar a capacidade antioxidante in vitro de três diferentes marcas de néctares e sucos de goiaba, através de métodos de sequestro de radicais livres, 2,2’-azino-bis (3-etilbenzitiazolina-6-sulfonato) (ABTS.+) e 1,1-difenil-2-picrilhidrazila (DPPH) e sua correlação com o conteúdo total de polifenóis, total de licopeno e ácido ascórbico. As marcas revelaram diferença estatística (p£ 0.05) na capacidade antioxidante, variando de 1,9 a 7,7 molTE/mL. O resultado da capacidade antioxidante apresentou correlação positiva para o teor de ácido ascórbico e compostos polifenólicos, sendo relativamente baixo para o licopeno. Diferentes processos podem influenciar o conteúdo desses compostos em néctares sucos de goiaba, assim como interferir na sua capacidade antioxidante. O controle do processo de produção é importante para agregar valor aos produtos de goiaba e atender a nova tendência do mercado.


Keywords


GUAVA; JUICE; Psidium guajava L



DOI: http://dx.doi.org/10.5380/cep.v27i2.16529

Boletim Centro de Pesquisa de Processamento de Alimentos. ISSN:19839774