CARACTERIZAÇÃO POLÍNICA E FÍSICO-QUÍMICA DO MEL DA AROEIRA (Myracrodruon urundeuva Allemão- Anacardiaceae), PIAUÍ, BRASIL

Nubia Dannila Jesus de Oliveira, Juliana do Nascimento Bendini

Resumo


Este trabalho teve como objetivo caracterizar, por meio das análises polínica e físico-químicas, o mel proveniente da aroeira (Myracrodruon urundeuva Allemão). As amostras (15) foram obtidas, entre os meses de agosto e setembro de 2019, diretamente de apicultores do estado do Piauí e identificadas por número, local e data de colheita, sendo posteriormente submetidas às análises melissopalinológica e físico-químicas (acidez, pH, umidade, açucares redutores, sacarose aparente, cinzas e cor). Como resultados, observou-se que das 15 amostras analisadas, 10 foram identificadas como mel monofloral de aroeira. Vale ressaltar que as amostras apresentaram baixa diversidade de espécies em seu espectro polínico, sendo que em 13,3% das amostras foi determinado 100% de predominância do tipo polínico M. urundeuva. Tal informação permite inferir que existe um potencial na região para a produção de mel monofloral da aroeira. O mel da aroeira apresentou as seguintes características físico-químicas: acidez (26,93 meq/kg ± 2,85), pH (3,48±0,30), umidade (16,4%±0,02), cor âmbar escuro, açucares redutores (70,9%±1,58), cinzas (0,13%±0,4), sacarose aparente (0,93%±0,14). Os resultados estão de acordo com os limites estabelecidos pela legislação vigente. O mel apresentou características físico-químicas semelhantes à de outros méis monoflorais de aroeira provenientes de regiões semiáridas. Assim, foi possível estabelecer padrões físico-químicos para o mel da aroeira produzido no Piauí, contribuindo para a valorização do mel monofloral do semiárido.

Palavras-chave


apicultura; monofloral; semiárido.

Texto completo:

PDF


DOI: http://dx.doi.org/10.5380/avs.v26i1.76400

 Creative Commons License

BASE DE DADOSScopus  Sumário.Org  Google Scholar  BASE  Dimensions Ebsco: Academic Search Premier

DIRETÓRIOS:  Open Air  Genamics  EZB  Diretório Luso brasileiro  ROAD  Latindex  REDIB  Journal 4-free 

PORTAIS:  LiVre  Capes  Science Open  World Wide Science 

ÍNDICES:  Index Copernicus  Cite Factor