ABORDAGEM DIAGNÓSTICA E TERAPÊUTICA DE HÉRNIA DIAFRAGMÁTICA PERITONEOPERICÁRDICA EM CÃO

Brunna Silva Moreira, Aline Medeiros Nakamura, Aracelle Elisane Alves, Francisco Claudio Dantas Mota

Resumo


A hérnia peritoniopericárdica é uma má formação congênita incomum em cães e gatos, caracterizada por uma comunicação anômala entre o diafragma e o saco pericárdico, ocasionando a translocação das vísceras abdominais para o interior do saco pericárdico. Seu prognóstico é favorável e o tratamento mais indicado é o cirúrgico. Este relato teve como objetivo descrever o caso de um cão macho, da raça Shih Tzu, de 2 anos de idade com diagnóstico de hérnia diafragmática peritôniopericárdica compensada. Foi realizada a correção cirúrgica por meio da redução do conteúdo herniário, composto por fígado, baço, alças intestinais e omento, além da reconstituição simultânea do diafragma e pericárdio havendo resolução da anomalia congênita.

Palavras-chave


canino; cirurgia; herniorrafia

Texto completo:

PDF


DOI: http://dx.doi.org/10.5380/avs.v24i4.68545