SINUOSIDADE DO FRONT MONTANHOSO DA SERRA DO IBITIRAQUIRE – PARANÁ

Edenilson Roberto do Nascimento, Pedro Augusto Hauck da Silva, Eduardo Salamuni

Resumo


A serra do Ibitiraquire é o bloco montanhoso mais destacado da Serra do Mar paranaense. Sua origem não é bem conhecida, havendo divergências sobre o papel do tectonismo e da erosão em sua história evolutiva. O índice de Sinuosidade de Front estabelece a relação entre a erosão e o tectonismo na esculturação de áreas montanhosas que apresentam front delimitado por falhas, podendo indicar quais fenômenos foram mais eficientes na evolução da paisagem. Neste sentido, foi obtido o índice de Sinuosidade do Front para os limites leste e oeste da Serra do Ibitiraquire, que revelou um resultado típico de áreas de tectônica ativa. O trabalho discute as possíveis razões para o valor deste índice na Serra do Mar.

 


Palavras-chave


Serra do Mar; análise geomorfométrica; Sinuosidade do Front Montanhoso; geomorfologia do leste do Paraná.

Texto completo:

ARTIGO AUTORIZAÇÃO

Referências


AB ́SÁBER, A.N; BIGARELLA, J.J. Superfícies aplainadas do primeiro planalto do Paraná. Boletim Paranaense de Geografia. n⁰s 4/5. Curitiba. 116-125. 1961.

ALMEIDA, F. F. M. de & CARNEIRO, C.D.R. Origem e evolução da Serra do Mar. Revista Brasileira de Geociênciasv. 28, n. 2, p.135-150. 1998.

BIGARELLA, J.J; BECKER, R.D; MATOS, D.J de; WERNER, A. (Ed). A Serra do Mar e a porção oriental do Estado do Paraná: Um problema de segurança ambiental e nacional.Secretaria do Estado do Planejamento do Paraná. Curitiba. 249 p. 1978.

FIGUEROA, A.M; KNOTT. J.R. Tectonic geomorphology of the southern Sierra Nevada Mountains (California): Evidence for uplift and basin formation Geomorphology. v.123, p. 34–45. 2010.

GUALDA, G.A.R. Evolução Petrográfica e Mineralógica das associações alcalina e aluminosa dos Granitos tipo-A da Graciosa –PR. 2001. 271p. Dissertação (Mestrado em geociências) Programa de Pós-Graduação em Mineralogia e Petrologia, Instituto de Geociências, Universidade de São Paulo. São Paulo.

MAACK, R. Picos do Paraná: A propósito de uma comunicação do Sr. Reinhard Maack. Revista Brasileira de Geografia. Jan/Mar. p. 137-140. 1942.

MAACK, R. Breves notícias sobre a Geologia dos Estados do Paraná e Santa Catarina. Arquivos de Biologia e Tecnologia, v. II, Art.7, p. 67-153. 1947.

MAACK, R. A Serra do Mar no Estado do Paraná. Boletim Geográfico. v.31. n. 229, p. 79-105, 1972.

MINEROPAR 2005. Mapa Geológico da Folha Curitiba. SG –X –D. Escala 1:250.000. Curitiba (PR).

NASCIMENTO, E. R. Morfotectônica e Origem das Morfoestruturas da Serra do Mar Paranaense. Tese de doutorado (Doutorado em Geologia Ambiental) -Departamento de Geologia, Universidade Federal do Paraná, Curitiba, 2013.

NASCIMENTO, E. R. SALAMUNI, E; SILVA, P. A. H; SALVADOR, D. A; QUEIROZ, G. L. Morfoestruturas Cenozoicas da Serra do Mar Paranaense. In: Anais do 46 CBG. SBG, Núcleo São Paulo.

Santos, CDROM. 2012.KELLER, E.A.; PINTER, N. Active Tectonics: Earthquakes, uplifts and Landscapes. Prentice Hall. New Jersey, 338p. 1996.

SALAMUNI, E. Evidências da neotectônica na evolução da serra do Mar no Estado do Paraná. In: X Simpósio Brasileiro de Estudos Tectônicos, Curitiba, 10, Paraná: SBG Núcleo Paraná, 2005,p. 202-204.

SILVA P.G; GOYJ.L; ZAZO. C; BARDAJI. T. 2002. Fault-generated mountain fronts in southeast Spain: geomorphologic assessment of tectonic and seismic activity. Geomorphology. n. 50, p. 203–225. 2003.

SINGH, V; TANDON, S.K. The Pinjar dun (intermontane longitudinal valley) and associated active mountain fronts, NW Himalaya: Tectonic Geomorphology and morphotectonic evolution. Geomorphology, n. 102. p. 376-394. 2008.

TSODOULOS I.M; KOUKOUVELAS, I.K; PAVLIDES. S. Tectonic geomorphology of the easternmost extension of the Gulf of Corinth (Beotia, Central Greece). Tectonophysics, n. 453, p. 211–232. 2008.

VALERIANO, M. M. Modelo digital de elevação com dados SRTM disponíveis para a América do Sul. São José dos Campos, SP: INPE: Coordenação de Ensino, Documentação e Programas Especiais (INPE-10550-RPQ/756). 72p. 2004.

ZALÁN, P.V. & OLIVEIRA, J.A.B. Origem e evolução do Sistema de Rifts Cenozoicos do Sudeste do Brasil. Boletim de Geociências da Petrobras, Rio de Janeiro, v. 13, p. 269-300. 2005.




DOI: http://dx.doi.org/10.5380/raega.v29i0.29458

Direitos autorais

_____________________________________________

ISSN (IMPRESSO) 1516-4136 até 2008

ISSN (ELETRÔNICO) 2177-2738 a partir de 2009