PATRIMÔNIO E CIDADE: UMA LEITURA GEOGRÁFICA DA CIDADE DE BELÉM DO PARÁ

Maria Goretti da Costa Tavares

Resumo


Os roteiros culturais e ou turísticos apresentam-se como relevantes para a valorização do patrimônio local, possibilitando um amplo debate da valorização do lugar e a ressignificação do turismo. Este artigo apresenta a importância de roteiros e ou percursos urbanos que valorizem a apresentem o patrimônio cultural local, seja material ou imaterial, objetivando demonstrar a importância do direito a cultura, ao patrimônio e acidade. Apresenta-se a experiência teórica metodológica da experiência de um projeto de roteiro a pé na cidade de Belém do Pará, pautado no conhecimento geográfico como carro chefe da interpretação da cidade. Como resultado configura-se uma proposta que possui a perspectiva do direito à cultura, demonstrando a importância e necessidade de se conhecer e valorizar o patrimônio cultural, e que se coloca como instrumento imprescindível para viabilização da participação social e atuação conjunta entre população e poder público na valorização das cidades.

 


Palavras-chave


Patrimônio, cidade, Belém, Espaço.

Texto completo:

ARTIGO


DOI: http://dx.doi.org/10.5380/geografar.v13i1.60269

Revista Geografar ISSN: 1981-089X