ESTRUTURA E DISTRIBUIÇÃO ESPACIAL DE MANGUEIRAS (Mangifera indica L.) NAS RUAS DA CIDADE DE BELÉM (PA)

Dâmaris Araújo da Silva, Daniela Biondi Batista, Antônio Carlos Batista

Resumo


O objetivo desta pesquisa foi analisar a estrutura e distribuição espacial dos indivíduos de mangueira no Distrito Administrativo de Belém (DABEL). Foi percorrida toda a malha viária do distrito, 424,45 km, sendo encontrados 36,86 km de calçadas arborizadas com mangueira (Mangifera indica L.). Foram quantificadas 2.649 mangueiras e calculados os seguintes índices: IMQC (índice de mangueira por quilômetro de calçada), ICAcalç (índice de cobertura arbórea) e IDA (índice de densidade arbórea). A distribuição de altura apresentou curva unimodal, caracterizando a predominância de árvores de grande porte. A distribuição diamétrica demonstrou maior concentração de árvores em estágio maduro. O maior IMQC foi para o bairro Nazaré e os maiores ICAcalç e IDA foram para o bairro Campina. Constatou-se uma má distribuição de mangueiras nas ruas, denotando que essa arborização não possui políticas específicas de manejo.

Palavras-chave


arborização urbana; árvore frutífera; índice de arborização urbana

Texto completo:

ARTIGO AUTORIZAÇÃO


DOI: http://dx.doi.org/10.5380/geografar.v10i2.43591



Revista Geografar ISSN: 1981-089X