PLANEJAMENTO URBANO E SEGREGAÇÃO SÓCIO-ESPACIAL: LOTEAMENTO IRREGULAR EM RIO CLARO, SP

Silas Nogueira de Melo, Anderson Fernando Guarda, Mariane Gallo, Tatiane Minatti, Tiago Salge

Resumo


No decorrer deste trabalho é analisada a urbanização referente aos bairros Jardim Boa Vista e Conjunto Habitacional Recanto Verde, localizados na margem esquerda do vale do Rio Corumbataí em seu médio curso, no município de Rio Claro-SP. Buscou–se analisar o objeto de estudo frente às questões ambientais, aos instrumentos e documentos de planejamento e à segregação sócio-espacial verificada em loteamentos residenciais irregulares.

Palavras Chaves: Planejamento Urbano, Segregação Sócio-espacial, Questão Ambiental, Rio Claro.


Palavras-chave


Planejamento Urbano; Segregação Sócio-espacial; Questão Ambiental; Rio Claro.

Texto completo:

ARTIGO Autorização


DOI: http://dx.doi.org/10.5380/geografar.v5i2.20142



Revista Geografar ISSN: 1981-089X