AS RELAÇÕES BRASIL-ARGENTINA, O MERCOSUL E A INSERÇÃO DA CHINA NA AMÉRICA DO SUL (2011-2014)

Renato Saraiva, Caroline Scherer

Resumo


Este artigo pretende apresentar uma análise acerca da importância das relações Brasil-Argentina para o Mercosul, abordando quais as visões dos dois grandes países acerca dessa iniciativa, assim como traçar perspectivas dos impactos que a inserção da China na América do Sul e seu recente acordo com a Argentina, o Convênio Marco de Cooperação, podem trazer para o bloco. 


Texto completo:

PDF

Referências


ARGENTINA. Decreto n. 335, de 3 de março de 2015. Mensagem nº 2472/14 e Projeto de Lei aprovando o Convênio Marco de Cooperação em Matéria Econômica e de Investimentos com o governo da República Popular da China, assinado em Buenos Aires, Argentina, em 18 de Julho de 2014. Disponível em: Acessado em: 03 de junho de 2015.

AEB. Presidente da AEB: Argentina “fez o que quís com o Mercosul” ao firmar Convênio com a China. Disponível em: . Acessado em: 03 de junho de 2015.

ALMEIDA, Paulo Roberto de. Uma história do Mercosul (1): do nascimento à crise. Em Revista Espaço Acadêmico, nº 119, 2011.

BAKERMAN, Marta; DULCICH, Federico; MONCAUT, Nicolás. La Emergencia de China y su Impacto en las Relaciones Comerciales entre Argentina y Brasil. Em Revista Problemas del Desarrollo, 176 (45), enero-marzo 2014

DEUTSCH WELLE, 30 de julho de 2014. Entenda o impasse da dívida na Argentina. Disponível em . Acesso em 01 de junho de 2015.

FUNAG. Cronologia da Política Externa do Governo Lula (2003-2006). Ministério das Relações Exteriores, Brasília, 2007.

FURTADO, Celso. A Pré-Revolução Brasileira. Rio de Janeiro: Fundo de Cultura, 1962.

MDIC. Ministério do Desenvolvimento, Indústria e Comércio Exterior. Consulta pelo sistema AliceWeb. Disponível em . Acesso em 03 de junho de 2015.

MIRANDA, Roberto. Comercio y política: Argentina entre las potencias y las no potencias. Em Temas e problemas de nuestra América. México, 2014. Disponível em

PLANALTO, 31 de julho de 2012. Entrada da Venezuela no Mercosul tem significado histórico, afirma presidenta Dilma. Disponível em . Acesso em 01 de junho de 2015.

RAY, Rebecca; GALLAGHER, Kevin P.; LOPEZ, Andres; SANBORN, Cynthia. China in Latin America: Lessons for South-South Cooperation and Sustainable Development. Boston University: Boston, 2014. Disponível em: . Acessado em: 03 de junho de 2015.

SARAIVA, Miriam Gomes. As Diferentes Percepções na Argentina sobre o Mercosul. Em Contexto Internacional, vol. 30, nº 3, setembro/dezembro de 2008, p. 735-775.

SOUZA, Juliana dos Anjos de. Obstáculos à Integração Autônoma e Antissistêmica da América do Sul. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Relações Internacionais) – Faculdade de Ciências Econômicas, Universidade Federal do Rio Grande do Sul, Porto Alegre, 2014.

UIA, Unión Industrial Argentina, 12 de fevereiro de 2015. Acerca del “Convenio Marco de Cooperación en Materia Económica y de Inversiones entre el Gobierno de la República Argentina y el Gobierno de la República Popular China”. Acessado em 01 de junho de 2015.

VIGEVANI, Tullo. As dificuldades de fundo do Mercosul. Boletim Meridiano 47, vol. 13, n. 134, nov.-dez. 2012, p. 28-31




DOI: http://dx.doi.org/10.5380/cg.v7i1.46294

Apontamentos

  • Não há apontamentos.