DESEMPENHO DE PERUS FÊMEAS DE 29 A 126 DIAS DE IDADE, ALIMENTADOS COM RAÇÕES CONTENDO REDUÇÃO ENERGÉTICA E XILANASE

Rafael Fernando Sens, Leopoldo Malcorra de Almeida, Kariny Fonseca Da Silva, Marley Conceição dos Santos, Josiane Carla Panisson, Geovani Costa Senger, Alex Maiorka

Resumo


O trigo no Brasil ainda é um ingrediente pouco utilizado em rações devido ao seu alto custo de produção. Na parede de cereais como o trigo, há a presença de polissacarídeos não amiláceos (PNAs), e esses compostos influenciam negativamente o aproveitamento da energia, aumentando a retenção de água no intestino e, como conseqüência, há o aumento da viscosidade do conteúdo intestinal. A enzima xilanase atua rompendo as paredes celulares dos PNAs, aumentando a digestibilidade dos nutrientes. O objetivo do presente estudo foi avaliar os efeitos da enzima xilanase sobre o desempenho de perus de corte dos 28 aos 126 dias. Foram utilizadas 360 peruas da linhagem BUT9, alojadas em baias móveis. As aves foram divididas em três tratamentos de 8 repetições, cada uma com 15 aves, por meio de um delineamento experimental inteiramente casualizado. As aves e as sobras de ração foram pesadas aos 56, 84, 112 e 126 dias e os resultados foram submetidos à análise de variância. Os resultados obtidos permitem concluir que a adição da enzima xilanase em dietas de perus formuladas à base de milho e farelo de soja não promovem melhorias sobre o desempenho das aves (P>0,05). Entretanto, quando o trigo é adicionado à dieta, a ação da enzima promove uma diminuição no consumo de ração e uma melhora na conversão alimentar das aves (P<0,05). Porém, utilizando um nível maior de energia nas dietas, o consumo de ração é melhorado significativamente (P<0,05), refletindo esse resultado sobre a conversão alimentar. A adição da enzima xilanase e o incremento de energia não resultaram em diferenças significativas de ganho de peso (P>0,05).


Palavras-chave


fatores antinutricionais;perus; xilanase

Texto completo:

PDF


DOI: http://dx.doi.org/10.5380/avs.v25i2.70121

 Creative Commons License