A CORRELAÇÃO ENTRE NÍVEL DE PROFICIÊNCIA E DESEMPENHO NA IDENTIFICAÇÃO DA PLOSIVA ALVEOLAR ASPIRADA DO INGLÊS (L2)

Felipe Flores Kupske

Resumo


Neste trabalho, tentamos verificar a existência de correlação entre nível de proficiência em L2 e média de acertos na identificação da plosiva alveolar aspirada do inglês. Contamos com 14 participantes palatalizantes aprendizes de inglês (L2) do Oeste de Santa Catarina, e nosso teste de identificação foi elaborado com estímulos de um locutor nativo do inglês. A testagem apontou uma associação significativa entre proficiência e desempenho. Contudo, nossa testagem revela que a diferença é significativa apenas na média de erro em função da proficiência quando os segmentos antecediam [i:]. Nesta perspectiva, podemos pensar que os informantes de nível básico de proficiência em inglês identificam os segmentos testados como tokens de um mesmo som nativo, isto é, categorizariam africada e plosiva aspirada antes de vogal alta não arredondada em uma mesma categoria.


Palavras-chave


Aspiração; Identificação; Nível de proficiência; Língua Inglesa

Texto completo:

PDF


DOI: http://dx.doi.org/10.5380/rvx.v1i0.2014.34674

Revista X. ISSN: 1980-0614