POTENCIAL DE USO AGRÍCOLA E LEGISLAÇÃO AMBIENTAL VOLTADOS AO PLANEJAMENTO NA BACIA DO RIO PEQUENO-PR

Marcia Regina Gomes de Jesus SOARES, Jorge Luiz Moretti de SOUZA, Daniela JERSZURKI

Resumo


O presente trabalho teve por objetivo elaborar para a bacia do Rio Pequeno, situada no município de São José dos Pinhais - PR, subsídios às diretrizes básicas de ação ambiental sustentável. O estudo foi baseado em análises das condições de uso atual em contraste com as características naturais do meio físico e do cruzamento desses dados com as limitações impostas pela legislação ambiental e, que associados às geotecnologias, proporcionaram como resultados a elaboração das cartas de Aptidão Agrícola das Terras e Conflitos do Uso e Ocupação Atual. Verificou-se que é necessário recuperar 41% da área para atender a legislação ambiental, 59% da área foi classificada como apta para a agricultura, devendo ocorrer preservação em 36% da área e, o uso adequado do solo obteve 59% de representatividade.

Palavras-chave


Hidrografia; aptidão agrícola; planejamento ambiental

Texto completo:

PDF

Referências


ANDREOLI, C.V.; DALARMI, O.; LARA, A.I.; ANDREOLI, F.N. Mananciais de Abastecimento do Sistema Integrado da Região Metropolitana de Curitiba –RMC. In. SIMPÓSIO BRASILEIRO DE ENGENHARIA SANITÁRIA E AMBIENTAL, 9., 2000, Porto Seguro, BA. Anais...Porto Seguro, BA, 2000.p.196-205.

BRASIL. Resolução CONAMA nº 302, de 20 de março de 2002. Dispõe sobre os parâmetros, definições e limites de Áreas de Preservação Permanente de reservatórios artificiais e o regime de uso do entorno (2002a). BRASIL. Resolução CONAMA nº 303, de 20 de março de 2002. Dispõe sobre parâmetros, definições e limites de Áreas de Preservação Permanente (2002b).

BRISKI, S.J.; SALAMUNI, E.; SANTOS, L.J.C.; MANTOVANI, L.E. Geotecnologias aplicadas ao planejamento e gestão de bacias hidrográficas de mananciais. Ciência e Natura,Santa Maria, v.26 p. 429-444, 2004.

CAIXETA-FILHO, J.V. Pesquisa operacional:técnicas de otimização aplicadas a sistemas agroindustriais. São Paulo: Atlas, 2001. 171p.

CHAVES , A.A.A. Avaliação do uso e qualidade do solo e da água da região de nascentes do Rio Descoberto, DF.2005. 92f. Dissertação (Mestradoem Ciências Agrárias) –Faculdade de Agronomia e Medicina Veterinária, Universidade deBrasília, Brasília, 2005.

CHUEH, A.M.Análise do uso do solo e degradação ambiental na bacia hidrográfica do rio Pequeno –São José dos Pinhais/PR, por meio do diagnóstico físico-conservacionista –DFC.2004. 102f. Dissertação (Mestrado em Geografia).Universidade Federal do Paraná, Curitiba, 2004.

COMEC –Coordenadoria da Região Metropolitana de Curitiba, Estado do Paraná. Cartas planialtimétricas, 1:10.000, 1976.

DIAS, N.W.; BATISTA, G.T.; TARGA, M.S.; CATELANI, C.S.; MONTESI, E.C. Estudo da adequabilidade de uso do solo e viabilidade econômico-ambiental: o caso da fazenda Camburi.Repositório Eletrônico do Departamento de Ciências Agrárias da UNITAU, 59: p.1-39. 2005. Disponívelem: Acesso em: 02dez.2009.

DONHA, A.G.; SOUZA, L.C.P.; SUGAMOSTO, M.L. Determinação da fragilidade ambiental utilizando técnicas de suporte à decisão e SIG. Revista brasileira de engenharia agrícola e ambiental,Campina Grande, v.10, n.1, p.175-181, 2006.

EMBRAPA.Empresa Brasileira de Pesquisa Agropecuária.Serviço Nacional de Levantamento e Conservação de Solos (Rio de Janeiro –RJ). Levantamento de reconhecimento dos solos do estado do Paraná. Londrina:IAPAR, 2v, 1984.788p.

EMBRAPA. Centro Nacional de Pesquisa de Solos (Rio de Janeiro –RJ).Sistema Brasileiro de Classificação de Solos.1. ed. Brasília: Embrapa Produção de Informação; Rio de Janeiro: Embrapa Solos, 1999.412p.

FIORIO, P.R.; DEMATTÊ, J.A.M.; MELÉM JÚNIOR, N.J.; MAZZA, J.A. Potencialidade do uso da terra na microbacia hidrográfica do córrego do Ceveiro na região de Piracicaba. Scientia Agrícola,Piracicaba, v.56, n.4, p.1273-1280, 1999. Suplemento.

IBGE –Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística. Manual Técnico da Vegetação Brasileira.Rio de Janeiro, 1992.92p.

LOBO, G.A.S. Aplicação de geotecnologias no planejamento de usoáreas rurais. 2002. 144f. Dissertação (Mestrado em Ciências Agrárias) − Faculdade de Agronomia e Medicina Veterinária, Universidade de Brasília,Brasília, 2002.

PINTO, L.V.A.; FERREIRA, E.; BOTELHO S.A.; DAVIDE, A.C. Caracterização física da bacia hidrográfica do Ribeirão Santa Cruz, Lavras, MG e uso conflitanteda terra em suas áreas de preservação permanente. Revista Cerne,Lavras,v.11, n.1, p.49-60, 2005.

RAMALHO FILHO, A.; BEEK, K. J. Sistema de avaliação da aptidão agrícola das terras.3ª ed. Rio de Janeiro: EMBRAPA-CNPS, 1994. 65p.

RODRIGUES, L.M.R.Geoprocessamento aplicado ao estudo da evolução e adequaçãodo uso agrícola das terras na microbacia do Córrego Lamarão, DF.1998.109f. Dissertação (Mestradoem Geologia). Instituto deGeociênciasda Universidade de Brasília, Brasília, 1998.

ROSTAGNO, L.S.C.Caracterização de uma paisagem na área de influência do reservatório da usina hidrelétrica do Funil, Ijaci-MG.1999.66f. Dissertação (Mestradoem Agronomia: Solos e Nutrição de Plantas).Universidade Federal de Lavras, Lavras, 1999.

SOARES, M.R.G.J.;MELLEK, J.E.; ORRUTÉA, A.G.; KUMMER, L.; NUNES, T.; BARROS, Y.J.; ANDRETTA, R.; FAVARETTO, N.; SOUZA, L.C.P.Potencial de uso agrícola e fragilidade ambiental da microbacia do rio Campestre, Colombo –PR .Scientia Agraria,Curitiba,v.9, n.4, p.587-596, 2008.

WEBER, E.; DUARTE, G.F.; FRANK, M.; HOFF, R; ZORNER, S.; BASSANI, E.; JUNQUEIRA, I. Estruturação de sistemas de informação ambiental em bacias hidrográficas: ocaso da bacia hidrográfica do rio Caí –RS.In: GIS BRASIL, CONGRESSO E FEIRA PARA USUÁRIOS DE GEOPROCESSAMENTO, 6., 1998, Curitiba, PR. Anais...Curitiba, PR, 1998.




DOI: http://dx.doi.org/10.5380/raega.v21i0.17403

Direitos autorais

_____________________________________________

ISSN (IMPRESSO) 1516-4136 até 2008

ISSN (ELETRÔNICO) 2177-2738 a partir de 2009