Ensino Jurídico e Legitimação de Definições do Direito: Elementos para uma sociologia da expansão da pós-graduação em direito no Rio Grande do Sul

Fabiano Engelmann

Resumo


O presente trabalho se propõe a realizar uma sociologia do campo jurídico do Rio Grande do Sul na década de 1990. Foi analisada a estreita correspondência entre a diferenciação do ensino do direito, como lugar de produção de definições de problemas jurídicos, e a mobilização de determinados usos da advocacia e das carreiras de Estado, neste período. Esta relação permite apreender a emergência da carreira acadêmica como espaço de produção de concepções e usos específicos do direito. Tal processo está estreitamente ligado ao reposicionamento dos juristas no espaço de poder no Brasil, após as mudanças na conjuntura política do país que têm sua expressão institucional na promulgação da Constituição de 1988.

Palavras-chave


sociologia do campo jurídico; ensino jurídico; diversificação dos juristas; Rio Grande do Sul; Constituição de 1988; sociology of the legal field; teaching of Law; diversification of legal space; Rio Grande do Sul; 1988’s Brazilian Constitution

Texto completo:

PDF


DOI: http://dx.doi.org/10.5380/cam.v6i0.4510

Direitos autorais