A realidade do mundão: uma narrativa sobre a sociedade e a produção da desigualdade

Mariana Medina Martinez

Resumo


Neste artigo apresento uma narrativa feita por “moradores de rua” sobre a sociedade e a produção da desigualdade. Este estudo é resultado de uma pesquisa de campo realizada durante uma oficina que coordenei numa instituição de assistência social em São Carlos/SP. Trata-se de um discurso crítico sobre a produção da verdade acerca das relações sociais. A verdade, para eles, só pode ser extraída do conflito – o ponto central das relações. O texto segue em dois eixos analíticos: no primeiro, apresento o modo pelo qual os “moradores de rua” percebem as desigualdades e seus mecanismos reprodutores, e, no segundo, mostro como esses atores respondem criativamente à mecânica da exclusão, elaborando táticas de evasões cotidianas. Busco com isso contribuir, num plano analítico maior, para a reflexão sobre os conflitos sociais presentes na dinâmica sociopolítica urbana.

Palavras-chave


moradores de rua; conflitos sociais; relações de poder; antropologia política.

Texto completo:

PDF


DOI: http://dx.doi.org/10.5380/cam.v12i2.30616

Direitos autorais