O EMPREGO DA ARBORIZAÇÃO NA MANUTENÇÃO DA BIODIVERSIDADE DE FAUNA EM ÁREAS URBANAS

Flávia Gizele König Brun, Dionísio Link, Eleandro José Brun

Resumo


A biodiversidade de entomofauna e avifauna em ambientes urbanos foi estudada por meio de revisão bibliográfica. Com o objetivo de demonstrar a importância da arborização urbana como forma de manutenção da biodiversidade da fauna dentro dos centros urbanos brasileiros e as principais práticas a serem adotadas em planos de arborização urbana para conservação da fauna nestes ambientes, foi avaliada a literatura existente, com a revisão de diversos trabalhos que apontam que a função da arborização de centros urbanos reflete-se diretamente na manutenção de abrigos e na diversificação de fontes de alimento para a fauna urbana, principalmente para espécies de hábitos generalistas, mais beneficiadas, mas, também, para espécies de hábitos mais específicos, que habitam áreas de florestas que circundam as cidades. Desta forma, a manutenção, o aumento de áreas e a interligação das áreas verdes urbanas e também peri-urbanas são fundamentais, usando-se para isso, de preferência, espécies nativas e um maior numero de espécies, visando diversificar também as fontes de alimentos.

Palavras-chave


arborização urbana, biodiversidade, abrigo, fauna.

Texto completo:

PDF


DOI: http://dx.doi.org/10.5380/revsbau.v2i1.66253

Apontamentos

  • Não há apontamentos.


Direitos autorais 2019

Licença Creative Commons
Esta obra está licenciada sob uma licença Creative Commons Atribuição - NãoComercial 4.0 Internacional.