PADRE FRANCISCO OZAMIZ, UM INTELECTUAL DA IMPRENSA CATÓLICA POPULAR (1909-1929)

Marcos Gonçalves

Resumo


O artigo analisa e descreve parte da trajetória intelectual do padre claretiano Francisco Ozamiz, no âmbito do periódico católico Ave Maria. As ações de Ozamiz no projeto de vitalização da imprensa católica estão associadas a uma demanda de significativa amplitude da Igreja católica no Brasil entre o final do século XIX e as duas primeiras décadas do século XX: expandir a influência do periodismo católico, estabelecer uma efetiva agenda crítica ao Estado laico, desdobrando tal agenda para o campo de competição com outras denominações religiosas e para a esfera do mundo político.


Palavras-chave


Francisco Ozamiz; Imprensa católica; Revista Ave Maria; Intelectuais católicos.

Texto completo:

PDF

Referências


Culto ao Coração de Maria. Revista Ave Maria, São Paulo, n. 9, p. 130, 1914. Última Hora. Revista Ave Maria, São Paulo, n. 48, p. 900-901, 1929.

OZAMIZ, Francisco, pe. A missão e os missionários do jornalismo XVII – A mulher e a imprensa. Revista Ave Maria, São Paulo, n. 45, p. 710-711, 1909.

_____. A missão e os missionários do jornalismo XX – A mulher e a imprensa. Revista Ave Maria, São Paulo, n. 49, p. 775-776, 1909.

_____. A missão e os missionários do jornalismo XXI – A mulher e a imprensa. Revista Ave Maria, São Paulo, n. 50, p. 788-789, 1909.

_____. A missão e os missionários do jornalismo XXII – A mulher e a imprensa. Revista Ave Maria, São Paulo, n. 51, p. 806-807, 1909.

_____. O jornalismo – Normas Diretivas. Revista Ave Maria, São Paulo, n. 2, p. 23-24, 1911.

_____. Cartas à mocidade acadêmica. Revista Ave Maria, São Paulo, n. 35, p. 555-556, 1913.

_____. Cartas à mocidade acadêmica – harmonias necessárias. Revista Ave Maria, São Paulo, n. 41, p. 651-652, 1913.

_____. Apologia do Catolicismo – A história da apologia. Revista Ave Maria, São Paulo, n. 4, p. 52-53, 1914.

_____. O ideal religioso. Revista Ave Maria, São Paulo, n. 36, p. 568-571, 1925.

_____. O Catolicismo Social do Brasil. Revista Ave Maria, São Paulo, n. 44, p. 692-693, 1925.

_____. Ainda as emendas religiosas. Revista Ave Maria, São Paulo, n. 50, p. 792-793, 1925.

_____. Carta-resposta ao Sr. Dr. Basílio de Magalhães. Revista Ave Maria, n. 5, p. 79-82, 1926.

_____. Echos da Prelazia de S. José do Alto Tocantins. Revista Ave Maria, São Paulo, n. 51, p. 948-949, 1926.

Pastoral Coletiva do Episcopado Brasileiro ao Clero e aos Fiéis do Brasil. São Paulo: Typographia Jorge Seckler & Comp., 1890.

SALAMERO, Luiz, pe. O Vigésimo quinto aniversário da Ave Maria. Revista Ave Maria, São Paulo, n. 20, p. 290-291, 1923.

Referências

ALMEIDA, Cláudio A. Meios de comunicação católicos na construção de uma ordem autoritária, (1907-1937). 2002. Tese (Doutorado em História). Faculdade de Filosofia, Letras e Ciências Humanas, Universidade de São Paulo, São Paulo.

AUBERT, Roger. Luz y sombras de la vitalidad católica. In: JEDIN, Hubert. (Dir.). Manual de la Historia de la Iglesia. Tomo Septimo: La Iglesia entre la Revolución y la Restauración. Barcelona: Herder, 1978, p. 838-845.

AZZI, Riolando. A vida religiosa no Brasil. Enfoques históricos. São Paulo: Paulinas, 1983.

BENCOSTTA, Marcus L. Igreja e Poder em São Paulo: D. João Batista Corrêa Nery e a Romanização do Catolicismo Brasileiro (1908-1920). 1999. Tese (Doutorado em História), Faculdade de Filosofia, Letras e Ciências Humanas, Universidade de São Paulo, São Paulo.

BERGER, Peter L. O dossel sagrado: elementos para uma teoria sociológica da religião. Trad. José Carlos Barcellos. São Paulo: Paulus, 2004.

BOBBIO, Norberto. Os intelectuais e o poder: dúvidas e opções dos homens de cultura na sociedade contemporânea. Trad. Marco Aurélio Nogueira. São Paulo: Unesp, 1997.

CLARET, Antonio Maria. Autobiografía. Madrid: Editorial Coculsa, 1951.

DALMOLIN, Aline. O discurso sobre aborto em revistas católicas brasileiras: Rainha e Família Cristã (1980-1990). 2012. Tese (Doutorado em Ciências da Comunicação), UNISINOS, São Leopoldo.

GARMUS, Ludovico. (Coord.). Bíblia Sagrada. Trad. Domingos Zamagna et al. 33. Ed. Petrópolis: Vozes, 1982.

GONÇALVES, Marcos. As tentações integristas. Um estudo sobre imprensa católica, política e catolicismo no Brasil (1908-1937). Curitiba: Editora CRV, 2012.

GUASCO, Maurilio. El modernismo. Los hechos, las ideas, los personajes. Bilbao: Desclée de Brouwer, 2000.

GUEIROS VIEIRA, David. O Protestantismo, a Maçonaria e a Questão Religiosa no Brasil. 2. Ed. Brasília: Editora da UnB, 1980.

KLAUCK, Samuel. O apostolado da imprensa: a revista St. Paulus-Blatt como instrumento de informação, formação e catequese no Rio Grande do Sul (1912-1934). 2009. Tese (Doutorado em História), Programa de Pós-Graduação em História, Universidade Federal do Paraná, Curitiba.

MARCUCCI, Don Azzo; RUM, Andrea. Imprensa Mariana. In: FIORES, Stefano de; MEO, Salvatore. (Dir.). Dicionário de Mariologia. Trad. Álvaro A. Cunha et al. São Paulo: Paulus, 1995, p. 620-625.

MARTÍNEZ, Pedro D. El beato Pio IX clarividente intérprete de su época. DIVINITAS – Rivista Internazionale di Ricerca e di Critica Teologica, Cittá del Vaticano, Anno XLVIII, n. 1, p. 3-15, 2005.

PAPÀSOGLI, Giorgio; STANO, Franco. Antonio Claret: l’uomo che sfidò l’impossible. Cittá del Vaticano: Libreria Editrice Vaticana, 1983.

PINHEIRO FILHO, Fernando A. A invenção da ordem. Intelectuais católicos no Brasil. In: Tempo Social, Revista de Sociologia da USP, v. 19, n. 1, p. 33-49, 2007.

POULAT, Émile. Intégrisme et catholicisme intégral: un réseau secret international antimodernista: la “Sapinière” (1909-1921). Paris: Casterman, 1969.

SIRINELLI, Jean-François. Os Intelectuais. In: RÉMOND, Réne. (Org.). Por uma história política. Trad. Vera Rocha. Rio de Janeiro: Editora da UFRJ, 1996, p. 231-269.

VIEIRA, Dilermando R. O processo de reforma e reorganização da Igreja no Brasil (1844-1926). Aparecida: Editora Santuário, 2007.




DOI: http://dx.doi.org/10.5380/rt.v5i1.45919