TÉCNICAS DE GEOPROCESSAMENTO APLICADAS NA IDENTIFICAÇÃO DE USOS DA TERRA NO ENTORNO DAS TURFEIRAS DA SERRA DO ESPINHAÇO MERIDIONAL

Samuel Ferreira da Fonseca, Alexandre Christófaro Silva, Juliano Alves de Senna

Resumo


Turfeiras são produtos da lenta decomposição de vegetais em ambientes saturados com água. Estes ecossistemas acumulam grandes volumes de matéria orgânica e preservam registros paleoclimáticos. O objetivo deste trabalho foi cartografar a evolução cronológica (1964 - 2014) da ocupação de áreas adjacentes à turfeiras da Serra do Espinhaço Meridional para identificar atividades antrópicas. Utilizou-se produtos do sensoriamento remoto, como fotografias aéreas e imagens dos satélites Landsat (TM/5 e OLI/8). Realizou-se georreferenciamento, mosaicagem, classificação supervisionada (MaxVer) e vetorização. Os resultados possibilitaram a identificação dos tipos de uso da terra (pastagem, eucalipto e outras culturas) nas adjacências das turfeiras. Constatou-se que a atividade agrícola mais intensa na área estudada foi o cultivo de eucalipto, inexistente em 1964, mas em 2014 ocupava 341,37 ha (2,07% da área adjacente total). Outras culturas (milho, café e morango), não cultivadas na área desta pesquisa em 1964, passaram a ocupar 312,46 ha (1,90%) em 2014. As pastagens passaram de 378,57 ha em 1964 para 522,57 ha em 2014, (um avanço de 2,30% para 3,17%) da área adjacente total.  


Palavras-chave


Geoprocessamento; reservatório de água; turfeiras; ecossistema

Texto completo:

ARTIGO AUTORIZAÇÃO

Referências


ALMEIDA-ABREU, P. A. (1995) O Supergrupo Espinhaço da Serra do Espinhaço Meridional (Minas Gerais): o rifte, a bacia e o orógeno. Geonomos, v.3, n.1, p.1-18. 1995.

ALMEIDA, R. V. J.; GONCALVES, M. D. O.; SILVA, A. C.; SENNA, J. A. (2015) Comparação dos Métodos de Correção Atmosférica: 6S e DOS processadas em dados do sensor TM/Landsat 5 e correspondentes a região de ocorrência da turfeira PdF. IN: Anais do XVII Simpósio Brasileiro de Sensoriamento Remoto – SBSR. João Pessoa. São José dos Campos: INPE, p. 6861-6866.

AUGUSTIN, C. H. R. R.; ARANHA, P. R. A. Piping em Área de Voçorocamento, Noroeste de Minas Gerais. Revista Brasileira de Geomorfologia, v. 1, p. 9-18, 2006.

BISPO, D. F. A.; SILVA, A. C.; MATOSINHOS, C. C.; SILVA, M. L. N.; BARBOSA, M. S.; SILVA, B. P. C.; BARRAL, U. M. (2015) Characterization of headwaters peats of the Rio Araçuaí, Minas Gerais State, Brazil. Revista Brasileira de Ciência do Solo, v.39, p.475 – 489. Doi:10.1590/01000683rbcs20140337

BISPO, D. F. A.; SILVA, A. C.; CHRISTOFARO, C.; SILVA, M. L. N.; BARBOSA, M. S.; SILVA, B. P. C.; BARRAL, U. M.; FABRIS, J. D. (2016) Hydrology and carbon dynamics of tropical peatlands from Southeast Brazil. Catena (Cremlingen), 143, p. 18 - 25. Doi:10.1016/j.catena.2016.03.040

BORGES, F. A. (2012) Caracterização temporal das áreas úmidas e de preservação permanente da porção do alto e médio curso da bacia hidrográfica do Rio Uberabinha, MG com aplicação de técnicas de Geoprocessamento. Dissertação, Universidade Federal de Uberlândia.

CAMPOS, J. R. R.; SILVA, A. C.; VIDAL-TORRADO, P. (2012) Mapping, organic matter mass and water volume of a peatland in Serra do Espinhaço Meridional. Revista Brasileira de Ciência do Solo. Vol.36, n.3, pp. 723-732. Doi: 10.1590/S0100-06832012000300004

CAMPOS, J. R. R. (2014) Relações entre morfoestratigrafia e hidrologia na formação das turfeiras da Serra do Espinhaço Meridional (MG). Tese, Universidade de São Paulo.

CAMPOS, J. R. R.; SILVA, A. C.; SILVA, E. B.; VIDAL-TORRADO, P. (2014) Extração e quantificação de alumínio trocável em Organossolos. Pesquisa Agropecuária Brasileira [online]. Vol.49, n.3, pp. 207-214. Doi: 10.1590/S0100-204X2014000300007

CAMPOS, J. R. R.; SILVA, A. C.; SLATER, L. ; NANNI, M. R. ; VIDAL-TORRADO, P. (2016) Stratigraphic control and chronology of peat bog deposition in the Serra do Espinhaço Meridional, Brazil. Catena (Cremlingen), v. 143, p. 167-173. Doi:10.1016/j.catena.2016.04.009

DUSSIN, I. A.; DUSSIN, T. M.; CHAVES, M. L. C. (1990) Compartimentação Estratigráfica do Supergrupo Espinhaço em Minas Gerais - Os Grupos Diamantina e Conselheiro Mata. Revista Brasileira de Geociências. (São Paulo). 20 (1-4):178-186.

FITZ, P. R. (2010) Geoprocessamento sem complicação. Oficina de Textos. São Paulo/SP.

FONSECA, S. F.; SANTOS, D. C.; TRINDADE, W. M. (2014) Técnicas de geoprocessamento aplicadas na classificação e avaliação da distribuição das espécies arbóreas nas praças de Buritizeiro/MG. Geografia: Ensino & Pesquisa, Santa Maria. vol. 18, n. 2, p. 109-122. Doi: 10.5902/2236499412503

FONSECA, S. F.; HERMANO, V. M.; SILVA, A. C. (2016) Mapeamento do uso da terra nos municípios de Janaúba e Nova Porteirinha (MG) usando dados de sensoriamento remoto. Élisée - Revista de Geografia da UEG, v. 5, p. 103-119.

GUIMARÃES, A. G.; ANDRADE JUNIOR, V. C. E.; ELSAYED, A. Y. A. M.; FERNANDES, J. S. C.; FERREIRA, M. A. M. (2015) Potencial produtivo de cultivares de morangueiro. Revista Brasileira de Fruticultura, v. 37, p. 112-120. Doi: 10.1590/0100-2945-400/13

HORÁK, I. (2009) Relações pedológicas, isotópicas e palinológicas na reconstrução paleoambiental da turfeira da Área de Proteção Especial (APE) Pau-de-Fruta, Serra do Espinhaço Meridional-MG. (Dissertação) Universidade de São Paulo.

HORÁK-TERRA, I.; CORTIZAS, A. M.; CAMARGO, P. B.; SILVA, A. C.; VIDAL-TORRADO, P. (2014) Characterization of properties and main processes related to the genesis and evolution of tropical mountain mires from Serra do Espinhaço Meridional, Minas Gerais, Brazil. Geoderma, Amsterdam. Vol. 234, 183–197. Doi: 10.1016/j.geoderma.2014.05.008

HORÁK-TERRA, I.; MARTÍNEZ CORTIZAS, A.; DA LUZ, C. F. P.; RIVAS LÓPEZ, P.; SILVA, A. C.; VIDAL-TORRADO, P. (2015) Holocene climate change in central-eastern Brazil reconstructed using pollen and geochemical records of Pau de Fruta mire (Serra do Espinhaço Meridional, Minas Gerais). Palaeogeography, Palaeoclimatology, Palaeoecology. v.437, p.117-131. Doi: 10.1016/j.palaeo.2015.07.027

INMET-BDMEP - Instituto Nacional de Meteorologia. Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento. Banco de Dados Meteorológicos para Ensino e Pesquisa. Disponível em: . Acesso em: 10 de setembro de 2014.

KRANKINA, O. N.; PFLUGMACHER. D.; FRIEDL, M.; COHEN, W. B.; NEOLSON, P.; BACCINI, A. (2008) Meeting the challenge of mapping peatlands with remotely sensed data. Biogeosciences, vol. 5, 1809-1820.

LOUZADA, F. L. R. O.; ARCHANJO, K. M. P. A.; SCÁRDUA, M. D.; QUINTO, V. M.; CARMO, F. C. A.; SANTOS, A. R. (2012) Delimitação das áreas de preservação permanente de acordo com o projeto do novo Código Florestal no Entorno dos parques estaduais de Forno Grande e Pedra Azul/ES. IN: SANTOS, A. R.; PELUZIO, J. B. E.; PELUZIO, T. M. O.; SANTOS, G. M. A. D. A. S. Org. Geotecnologias aplicadas aos recursos florestais [recurso eletrônico] - Alegre, ES: CAUFES, 249 p.

MASEK, J. G.; VERMOTE, E. F.; SALEOUS, N. E.; WOLFW, R.; HALL, F. G.; HUEMMRICH, K. F.; GAO, F.; KUTLER, J.; LIM, T. K. A Landsat Surface Reflectance Dataset for North America, 1990-2000. IEEE Geoscience and Remote Sensing Letters, v. 3, n.1, p.68-72, 2006. Doi: 10.1109/LGRS.2005.857030

Mapa de solos do Estado de Minas Gerais: legenda expandida/Universidade Federal de Viçosa; Fundação Centro Tecnológico de Minas Gerais; Universidade Federal de Lavras; Fundação Estadual do Meio Ambiente (2010). Belo Horizonte: Fundação Estadual do Meio Ambiente, 49p.

MONTEIRO, P. H. J. (2012) Avaliação e calibração dos métodos de estimativa da evapotranspiração de referência para três cidades do Vale do Jequitinhonha – MG. Monografia, Universidade Federal dos Vales do Jequitinhonha e Mucuri.

MOREIRA, M. A.; ADAMI, M.; RUDORFF, B. F. T. (2004) Análise espectral e temporal da cultura do café em imagens Landsat. Pesquisa agropecuária brasileira, Brasília, v.39, n.3, p.223-231. Doi: 10.1590/S0100-204X2004000300004

PONZONI, F. J.; SHIMABUKURO, Y. E.; KUPLICH, T. M. (2012). Sensoriamento Remoto da Vegetação. 2ª Ed. Revisada e ampliada -- São Paulo: Oficina de textos.

RIBEIRO, J. F.; WALTER, B. M. T. (1998) Fitofisionomias do Bioma do Cerrado. In: Sano, M. S.; Almeida, S. C. (ed.). Cerrado: ambiente e flora. Planaltina: EMBRAPA-CPAC. 556p.

ROSA, R. (2005) Geotecnologias na Geografia Aplicada. Revista do Departamento de Geografia, (USP), São Paulo, vol. 16, pp. 81-90. Doi: 10.7154/RDG.2005.0016.0009

ROSA, R. (2009) Introdução ao Sensoriamento Remoto. 7ª ed. Uberlândia: EDUFU.

ROSS, J. L. S. (2009) Ecogeografia do Brasil: subsídios para planejamento ambiental. São Paulo/SP. Oficina de textos.

SAADI, A. A. (1995) geomorfologia da Serra do Espinhaço em Minas Gerais e de suas margens. Geonomos, v. 3, n.1, p. 41-75.

SCHELLEKENS, J.; HORÁK-TERRA, I.; BUURMAN, P.; SILVA, A. C.; VIDAL-TORRADO, P. (2014) Holocene vegetation and fire dynamics in central-eastern Brazil: Molecular records from the Pau de Fruta peatland. Organic Geochemistry. v.77, p.32 – 42. Doi:10.1016/j.orggeochem.2014.08.011

SHENG, Y.; SMITH, L. C.; MACDONALD, G. M.; KREMENETSKI, K. V.; FREY, K. E.; VELICHKO, A. A.; LEE, M.; BEILMAN, D. W.; DUBININ, P. (2004) A high resolution GIS-based inventory of the West Siberian peat carbon pool. Global Biogeochemical Cycles, vol. 18, issue 3. Doi: 10.1029/2003GB002190

SILVA, A. B. (2003) Sistemas de Informações Geo-referenciadas, 236 p. Editora Unicamp. São Paulo/SP.

SILVA, L. L.; KNAUER, L. G. (2011) Posicionamento Estratigráfico da Formação Bandeirinha na Região de Diamantina, Minas Gerais: Grupo Costa Sena ou Supergrupo Espinhaço? Geonomos, v. 19, p. 131-151. Doi: 10.18285/geonomos.v19i2.49

SILVA, A. C.; PEDREIRA, L. S. F.; ALMEIDA-ABREU, P. A. (2005) Serra do Espinhaço Meridional: paisagens e ambientes. 1ª. ed. Belo Horizonte: O Lutador. Vol. 1. 272p.

SILVA, A. C.; HORÁK, I.; VIDAL-TORRADO, P.; CORTIZAS, A. M.; RECADO, J. M.; CAMPOS, J. R. R. (2009a) Turfeiras da Serra do Espinhaço Meridional – MG: influência da drenagem na composição elementar e substâncias húmicas. Revista Brasileira de Ciência do Solo. 33:1399-1408. Doi: 10.1590/S0100-06832009000500031

SILVA, A. C.; HORÁK, I.; CORTIZAS, A. M.; VIDAL-TORRADO, P.; RECADO, J. M.; GRAZZIOTTI, P. H.; SILVA, E. B.; FERREIRA, C. A. (2009b) Turfeiras da Serra do Espinhaço Meridional – MG: Caracterização e classificação. Revista Brasileira de Ciência do Solo. 33:1385-1398. Doi: 10.1590/S0100-06832009000500030

SILVA, E. V.; SILVA, A. C.; PEREIRA, R. C.; CAMARGO, P. B.; SILVA, B. P. C.; BARRAL, U. M.; MENDONCA FILHO, C. V. (2013a) Composição lignocelulósica e isótopica da vegetação e da matéria orgânica do solo de uma turfeira tropical: I - composição florística, fitomassa e acúmulo de carbono. Revista Brasileira de Ciência do Solo, v. 37, p. 121-133. Doi: 10.1590/S0100-06832013000100013

SILVA, M. L.; SILVA, A. C.; SILVA, B. P. C.; BARRAL, U. M.; SOARES, P. G. S.; VIDAL-TORRADO, P. (2013b) Surface Mapping, organic matter and water stocks in peatlands of the Serra do Espinhaço Meridional – Brazil. Revista Brasileira de Ciência do Solo. 37:1149-1157. Doi:10.1590/S0100-06832013000500004

SILVA, M. L. (2012) Turfeiras da Serra do Espinhaço Meridional: mapeamento e estoque de matéria orgânica. Dissertação, Universidade Federal dos Vales do Jequitinhonha e Mucuri.

SQUEO, F. A.; WARNER, B. G.; ARAVENA, R.; ESPINOZA, D. (2006) Bofedales: high altitude peatlands of the central Andes. Revista Chilena de Historia Natural. 79: 245-255. Doi: 10.4067/S0716-078X2006000200010

VERMOTE, E. F.; TANRE, D.; DEUZE, J. L.; HERMAN, M. AND MORCRETTE, J. J. (1997) Second Simulation of the Satellite Signal in the Solar Spectrum, 6S: an overview. IEEE Transactions on Geoscience and Remote Sensing. 35(3): 675- 686.

VIANA, P. L.; LOMBARDI, J. A. (2007) Florística e caracterização dos campos rupestres sobre canga na Serra da Calçada, Minas Gerais, Brasil. Rodriguésia - Revista do Jardim Botânico do Rio de Janeiro. 58 (1): 159-177.

VIEIRA, J. P.G.; SOUZA, M. J. H.; TEIXEIRA, J. M.; CARVALHO, F. P. (2010) Estudo da precipitação mensal durante a estação chuvosa em Diamantina, Minas Gerais. Revista Brasileira de Engenharia Agrícola e Ambiental, Campina Grande - PB. v. 14, n. 7, p.762- 767. Doi: 10.1590/S1415-43662010000700012




DOI: http://dx.doi.org/10.5380/raega.v43i0.51672

Direitos autorais 2018 Raega - O Espaço Geográfico em Análise

_____________________________________________

ISSN (IMPRESSO) 1516-4136 até 2008

ISSN (ELETRÔNICO) 2177-2738 a partir de 2009