Open Journal Systems

SERVIDÃO DA VIOLÊNCIA: ENSAIO SOBRE O VERDEAMARELISMO E A PERSONALIDADE AUTORITÁRIA

Matheus Scartezini Pedrini

Resumo


Conquanto sucinto, o presente ensaio articula cinco momentos, cada
qual correspondendo progressivamente ao que chamamos de servidão
da violência. Partimos de uma contraleitura do conto de fi cção científi
ca de Le Guin, o que nos leva à servidão voluntária em La Boétie,
permitindo situar o autoritarismo social (e sua história) no Brasil com
Chaui, em seguida, passando à propagação do autoritarismo através
de Adorno e, concluindo, a denúncia do presente autoritário (presente
governo Bolsonaro) que busca uma próxima violência (futuro
governo Bolsonaro?).


Palavras-chave


Servidão, Violência, Verde-amarelismo, Personalidade autoritária

Texto completo:

PDF


DOI: http://dx.doi.org/10.5380/nesef.v11i2.90726