Como nascem as imagens? Um estudo de história visual

Ana Maria Mauad

Resumo


O artigo propõe uma abordagem de história visual, em que se acompanha a trajetória da fotografia produzida pelo fotógrafo francês Marc Riboud, em 1967. Adota-se uma perspectiva não linear dos tempos históricos para analisar os percursos da imagem e a elaboração de representações visuais na história. A análise, apoiada na antropologia da imagem de Hans Belting, acompanha, nas diferentes culturas visuais, o surgimento de imagens semelhantes.

Palavras-chave


fotografia; tempos históricos; cultura visual

Texto completo:

PDF


DOI: http://dx.doi.org/10.5380/his.v61i2.39008

Licença Creative Commons Os textos da revista estão licenciados com uma Licença Creative Commons Atribuição-NãoComercial-CompartilhaIgual 4.0 Internacional
 
História: Questões & Debates. ISSN: 0100-6932 e e-ISSN: 2447-8261.
Uma publicação do Programa de Pós-Graduação em História da Universidade Federal do Paraná (PPGHIS-UFPR) - com apoio da da Associação Paranaense de História (APAH)

Universidade Federal do Paraná
Rua General Carneiro, 460, 7º andar
Curitiba – Paraná – Brasil - CEP: 80060-150