BONETTI, Alinne e FLEISCHER, Soraya (orgs.). 2007. Entre saias justas e jogos de cintura. Florianópolis: Editora Mulheres. 372 pp.

Elisa Gabriela Palermo, María Alma Tozzini

Resumo


O trabalho de campo etnográfico está cheio de surpresas, inseguranças, angústias, decepções ou mal-entendidos que necessitam tanto de ferramentas teórico-metodológicas como de uma boa cintura para ser driblados. Porém, quando lemos uma etnografia, o que geralmente nos oferecem é um relato coerente, livre de obstáculos, no qual foi silenciada a maioria das circunstâncias práticas – e, muitas vezes, dificultosas– em que a pesquisa foi levada a cabo. Contudo, socializar as dificuldades e os ensinamentos de nosso trabalho de campo, compartilhar nosso diário de campo e descobri-lo como nossa principal fonte de pesquisa pode ajudar a outros investigadores a enfrentar o campo com melhores ferramentas.


Palavras-chave


Antropologia; Antropologia

Texto completo:

PDF


DOI: http://dx.doi.org/10.5380/cam.v11i2.24318

Apontamentos

  • Não há apontamentos.


Direitos autorais